SIP e Google se unem para combater censura online


20/10/2016


pagnaoexibita_google-site_grandeAssociação Interamericana de Imprensa (SIP) e o Google anunciaram nova parceria para combater os ataques DDoS (que procuram tornar as páginas indisponíveis na rede) como ferramenta de censura. Com ela, expande-se a disponibilidade e adoção doProjeto Shield, um serviço gratuito desenvolvido pela Jigsaw que utiliza a tecnologia e infraestrutura do Google para proteger a liberdade de expressão e os sites de notícias de ataques distribuídos de negação de serviço (DDoS) em toda a América Latina.

O objetivo é garantir que todos os membros da SIP estejam protegidos contra esses ataques, considerados uma das formas mais perigosas de censura digital no século 21 e que estão crescendo a um ritmo alarmante.

Projeto Shield está disponível gratuitamente para empresas jornalísticas independentes, de todos os tamanhos, além de organizações de direitos humanos e grupos de acompanhamento eleitoral, todos que, frequentemente, são alvos de ataques DDos. As publicações de notícias estão especialmente em risco de serem alvos de ataques por questões políticas, econômicas ou pessoais. Os ataques DDoS têm derrubado editoras grandes e pequenas, desde TechCrunch e Página12 até a BBC. De acordo com um relatório NeuStar, as chances de uma empresa ser atacada pela primeira vez são de 50%, e de ser atacada novamente é de 80%. Estima-se que 50% dos sites de mídia já foram atingidos.

Por: Redação Jornalistas&Cia

 

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012