28 de novembro de 2022


Jornalista é esfaqueada em rádio na Rússia


23/10/2017


A jornalista russa Tatiana Felguengauer, da rádio “Eco de Moscou”, crítica do Kremlin, foi esfaqueada nesta segunda-feira (23) por um desconhecido que entrou na redação e a agrediu, conforme informou o chefe da redação, Alexei Venediktov, à AFP.

O agressor atacou o guarda de segurança do prédio que fica no centro da capital russa e se dirigiu à redação, onde esfaqueou a jornalista no pescoço. “Não está claro quem é este homem”, acrescentou Venediktov, dizendo que a segurança da rádio conseguiu detê-lo e entregá-lo à polícia.

Venediktov disse que a única coisa que sabia sobre o estado atual de Tatiana é que a jornalista “segue viva”.

Fontes policiais afirmaram que o ataque pode ter acontecido por “motivos pessoais”, uma vez que a vítima, segundo versões preliminares, conhecia seu agressor. A “Eco de Moscou”, no entanto, é a primeira rádio livre criada em 1990 antes da queda da URSS. A emissora consegue se manter como a principal rádio russa e oferece visões independentes em um setor onde os principais meios de comunicação estão sob controle.

Em 2001, passou para a direção do grupo público Gazprom, um ano depois da chegada de Vladimir Putin ao poder.

 

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012