19 de agosto de 2022


Influenciador digital, o futebol nas redes sociais


03/05/2021


Por Marcos Gomes, jornalista, membro da Comissão da Diretoria de Cultura da ABI
O ABI Esporte debate nesta segunda-feira, dia 3, a atuação dos influenciadores digitais no futebol. Como se define o influenciador digital? Como os influenciador digital conquista o público? Quais são os limites na atuação do influenciador digital  entre o jornalismo e o entretenimento?
Para responder a essas e outras perguntas, o ABI Esporte convidou os jornalistas Walace Lara, repórter da TV Globo/SP, Aline Bordalo, influenciadora digital que atua na cobertura do Botafogo de Futebol e Regatas e a professora de marketing digital
Sandra Turchi. Participa também do programa o jornalista Robson Aldir, com passagens pela TV Globo, Rádios Globo e CBN.
Autor da dissertação de Mestrado defendida na Faculdade Cásper Líbero, sobre os jornalistas blogueiros que encontram na internet espaço para trabalhar, o repórter Walace Lara busca entender as estratégias adotadas por jornalistas que se mantêm atuantes num ambiente de mudanças.
Professora de Marketing Digital Sandra Turchi, assinala que “nos últimos tempos temos visto crescer muito a presença de influencers nas mídias sociais, para tratar de todo e qualquer assunto: medicina, games, futebol, bem-estar, sexo, temas holísticos, marketing digital, etc… Mas há questões que não querem calar, por exemplo, como esses influencers crescem suas bases de seguidores, como conquistam o público, qual sua real reputação, e assim por diante”.
Para a jornalista Aline Bordalo “lançar um canal no YouTube foi um grito de liberdade. Lá sou dona da programação, escolho meus entrevistados, os assuntos a serem tratados e, principalmente, dou minha opinião. Na mídia convencional não podia nem revelar meu time. No meu canal, não só posso, como faço dele minha matéria prima, passando, na minha opinião, mais credibilidade a quem me assiste, já que meus seguidores sabem que estou totalmente envolvida naquele universo e falando o que eles gostariam de falar. É uma forma totalmente diferente e nova de fazer jornalismo esportivo.”

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012