ABI inaugura a exposição “Atelier São Francisco, Milton Eulálio e amigos”


Por kika Santos

06/09/2014


Vernissage 2

Foi inaugurada nesta semana na Associação Brasileira de Imprensa (ABI), no centro do Rio de Janeiro, a exposição “Atelier São Francisco, Milton Eulálio e amigos”.  Com o foyer  da entidade lotado,  a mostra já é considerada um sucesso, não só entre artistas, mas também, entre os visitantes. Através de um conceito totalmente interativo, a exposição traz uma importante singularidade.  Entre os dias  5 e 30 de setembro, o grupo realizará seus encontros semanais, as quartas-feiras à tarde, no próprio espaço da Exposição, onde vão pintar quadros ao vivo.

O trabalho das telas foi desenvolvido no agradável atelier do pintor, que fica no bairro de São Francisco, em Niterói, na região metropolitana do Rio. “O atelier é como um local de troca de experiência onde, além das artes, se vivenciam grandes amizades”, disse Milton Eulálio.

“Foi muito bom rever velhos amigos e conhecer novos, numa noite onde a arte se fez presente em um ambiente muito agradável e por uma grande diversidade de estilos e técnicas. A ABI está de parabéns por abrir suas portas a uma iniciativa como esta”, completou o artista.

10635942_10204849893437585_5961694105858973028_n

Jesus Chediak, Sheila Scolari e Glorinha

O Diretor Cultural da Associação Brasileira de Imprensa, Jesus Chediak, que esteve na inauguração da exposição, na última quinta-feira, disse estar muito satisfeito em ver a ABI sediando um trabalho tão significativo quanto este. O Diretor falou que se sente emocionado em ver um movimento tão expressivo de admiradores de Milton Eulálio. “Recebemos cerca de 200 visitantes só neste primeiro dia. É muito bom ver a ABI sendo visitada assim, porque esta casa representa a liberdade de expressão”, disse Jesus Chediak.

A exposição, que ficará aberta até o dia 30 deste mês,  reunirá outros  artistas.  O público poderá apreciar os traços de Carlos Monnerat, Enrique Reys, João Ricardo Cugola, Marcelo Bittencourt, Sheila Scolari e Zélia Reis.

Carlos Monnerat:

“Estou descobrindo uma nova forma de me expressar através da pintura.”

Enrique Reys:

“É através da arte que o ser humano atinge a transcendência onde se faz presente a sua mais bela característica, a espiritualidade.”

 João Cugola:

“Meu vínculo com a arte começou no dia em que descobri a liberdade de misturar cores e formas, representando uma visão muito pessoal das minhas experiências…”

 Marcelo Bittencourt:

“Pintar entre amigos é uma experiência que se eterniza não somente nas telas que pintamos, mas em nossos corações e lembranças.”

Sheila Scolari:

“Procuro, dentro de um processo evolutivo, externar em minhas telas tudo o que me impacta e produz alegria.”

 Zélia reis:

“Pintar é libertar-se,  e isso é o essencial!”

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012