12 de agosto de 2022


Sindicatos de Jornalistas do Nordeste convocam a categoria para I Encontro Regional


05/11/2021


Os Sindicatos de Jornalistas Profissionais de Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte, São Luís (MA) e Sergipe se uniram para realizar, de 19 a 21 de novembro, o I Encontro Regional de Jornalistas do Nordeste. O evento pioneiro, que reunirá todos os nove estados nordestinos, será totalmente virtual e tem como tema “Jornalismo na Linha de Frente – O trabalho do jornalista em tempos de pandemia, desinformação e plataformização”. As inscrições podem acontecer pelo link: https://forms.gle/M5wtDoWXjHbPHLTd9.

O Encontro foi planejado após convite do Sindicato do Ceará, que já preparava o XI Congresso dos Jornalistas do estado. Levando em consideração o caráter online e a possibilidade de reunir os operários da notícia de toda a região, que têm realidades muito similares, foi dialogada a construção de uma atividade que juntasse todo o Nordeste. A expectativa dos organizadores é reunir 300 participantes, entre jornalistas, estudantes e professores de Jornalismo, além de dirigentes sindicais e profissionais de outras áreas.

Entre os convidados já confirmados, profissionais consagrados como Joaquim de Carvalho, jornalista investigativo e produtor do documentário fenômeno de público, com 1,5 milhão de visualizações, “Bolsonaro e Adélio – Uma fakeada no coração do Brasil”, e Jana Sá, repórter na Agência de Notícias Saiba Mais (RN), pesquisadores e professores do campo da comunicação, como Roseli Fígaro, da Universidade de São Paulo (USP), Rafael Grohmann, da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), Helena Martins e Rafael Rodrigues, ambos da Universidade Federal do Ceará (UFC), e lutadores da luta sindical da categoria, como a presidenta da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), Maria José Braga.

Ato político marcará abertura

A abertura começa às 19h, com a presença da presidente da Fenaj, dos presidentes dos sindicatos de jornalistas da região Nordeste, lideranças populares e autoridades do campo progressista, que farão um grande ato político em defesa da Democracia, do jornalismo e dos direitos dos jornalistas.

O evento já se configura como maior fórum de discussão do campo progressista no ramo da Comunicação, com nomes que defendem a democratização dos meios de comunicação de massa, os direitos trabalhistas e a ética no exercício profissional do Jornalismo.

“Vivemos o período mais desafiador de nossa história, com a pandemia, desinformação em massa, movimentos que tentam descredibilizar a imprensa, as antirreformas que precarizam as relações de trabalho e a crise de modelo de negócios tradicionais do jornalismo. Por estes e outros motivos, precisamos nos reunir, debater a conjuntura em que vivemos, observar os bons exemplos e reforçar a nossa resistência. É hora, mais do que nunca, de fortalecer o jornalismo e os jornalistas”, destaca Rafael Mesquita, presidente do Sindicato do Ceará.

Inscreva-se

O valor é de inscrição é R$ 20,00, para jornalistas sindicalizados em dia, estudantes e aposentados. Demais participantes, pagam R$ 40,00. A taxa inclui acesso a todo o programa do evento, que conta com uma conferência de abertura, quatro painéis e uma plenária final, na qual será apresentado, debatido e aprovado o plano de lutas dos jornalistas nordestinos.

As inscrições podem ser feitas por meio do link: https://forms.gle/7G8uzu8A11WqU7q67.

 

Programação:

Dia 19 – Sexta-feira

19h – Solenidade de abertura

20h – Conferência Magna

Convidado:

Joaquim de Carvalho

Jornalista investigativo e colunista do site Brasil 247. Foi subeditor da Veja e repórter do Jornal Nacional. Ganhou os prêmios Esso (equipe, 1992), Vladimir Herzog e Jornalismo Social (revista Imprensa).

22h – Encerramento

Dia 20 – Sábado

9h – Painel 1 – Jornalismo atividade essencial, rotinas produtivas e aceleração da plataformização

Convidados:

Rafael Rodrigues

Professor do Curso de Jornalismo (Instituto de Cultura e Arte) da Universidade Federal do Ceará. Doutor e Mestre em Linguística pela UFC.

Rafael Grohmann

Editor da revista Fronteiras – Estudos Midiáticos. Doutor em Ciências da Comunicação, com estágio de pós-doutorado pela UFRJ. Professor do Mestrado e Doutorado em Comunicação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos).

Mediação:

10h30 – Intervalo

11h – Painel 2 – Propagação de informações fraudulentas e os ataques a jornalistas no contexto da democracia em vertigem

Convidados:

Em confirmação

Mediação:

Eulalia Camurça

Doutoranda em Direito Constitucional pelo Programa de Pós-Graduação em Direito da Universidade Federal do Ceará (PPGD/UFC). Professora do Centro Universitário 7 de Setembro (UNI7) e editora de telejornalismo do Sistema Verdes Mares.

12h30 – Almoço

14h – Painel 3 – Desertificação da mídia tradicional e os novos arranjos jornalísticos contemporâneos

Convidados:

Roseli Fígaro

Professora do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Universidade de São Paulo. Possui pós-doutorado pela Universidade de Provence, França. É coordenadora do Grupo de Pesquisa Comunicação e Trabalho.

Jana Sá

Repórter na Agência de Notícias Saiba Mais e apresentadora do Programa Balbúrdia, no canal do YouTube da Saiba Mais. Mestrado em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2020).

Mediação:

Kamila Fernandes

Professora e coordenadora do Curso de Jornalismo da UFC. Doutora em Estudos de Comunicação. Atuou em veículos como Folha de S. Paulo, O Povo e UOL, e hoje é integrante do podcast As Cunhãs.

15h30 – Intervalo

16h – Painel 4 – Fundo público de fomento ao jornalismo e políticas de democratização da comunicação

Maria José Braga

Presidenta da Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) e membro do Comitê Executivo da Federação Internacional dos Jornalistas (FIJ).

Helena Martins

Doutora em Comunicação Social pela Universidade de Brasília (UnB, 2018). Professora da Universidade Federal do Ceará (UFC) e integrante do Intervozes – Coletivo Brasil de Comunicação Social.

17h30 – Grupos de trabalho para a construção do Plano de Ação e Luta dos Jornalistas do Ceará

Dia 21 – Domingo

9h – Plenária Final – Aprovação do Plano de Ação e Luta dos Jornalistas do Nordeste

12h – Encerramento

 

Fonte:  Fenaj04/11/2021

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012