4 de outubro de 2022


Insegurança no Paraguai


10/04/2008


A organização Repórteres Sem Fronteiras manifestou nesta quinta-feira, 10, preocupação com o atentado a tiros sofrido no último dia 8 pelo jornalista paraguaio Alfredo Avalos. Ele e a mulher, Silvana Rodrígues, foram baleados por volta das 19h45 em frente à casa onde moram, em Curuguaty, no Paraguai, a cem quilômetros do município brasileiro de Paranhos, no Mato Grosso do Sul. Silvana morreu e o estado de saúde de Avalos é grave. Segundo a RSF, ele vinha denunciando no rádio o narcotráfico no país. Em nota, a RSF afirmou que “a imprensa paraguaia está muito exposta a represálias e ameaças, especialmente às vésperas das eleições presidenciais marcadas para o fim de abril”.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012