Impunidade na Bahia


29/01/2010


A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) criticou nesta quinta-feira, 28, a lentidão nas investigações da morte do jornalista Nivanildo Barbosa Lima, ocorrida em 1995, na Bahia. Nivaldo foi encontrado morto na represa de Paulo Afonso, ao norte do estado, após denunciar grupos de extermínio em reportagens publicadas no jornal Ponto de Encontro. Apontado, inicialmente, como suicídio, o caso foi arquivado, mas reaberto em 2002. As informações são da EFE.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012