26 de novembro de 2022


Emissora de TV é alvo de ataque no Espírito Santo


09/02/2017


TV_Gazeta_ES

A onda de violência que assola o Espírito Santo desde o início da greve dos policiais militares, na última sexta-feira (4), atingiu também a imprensa. Na madrugada desta quinta-feira (9) a sede da Rede Gazeta, afiliada da Rede Globo no estado, que fica na Ilha de Monte Belo, em Vitória, foi alvo de tiros. Os disparos atingiram o auditório da emissora e quebraram as vidraças do local, mas ninguém se feriu.

Em nota, a Rede Gazeta informou que “foi atingida por cinco disparos em direção ao auditório da sede da empresa, em Vitória. Felizmente não houve vítimas e todas as medidas cabíveis estão sendo tomadas. A empresa está sendo assessorada por especialistas em segurança visando a garantir integridade dos funcionários e o cumprimento da sua missão de informar a população.”

Jornalistas também têm sido alvo de ameaças por telefone, redes sociais e inclusive no exercício da profissão, como foi o caso da repórter Raylline Haussmann, da TV Capixaba, afiliada da Rede Bandeirantes no Espírito Santo. Ela disse que foi agredida verbal e fisicamente por manifestantes que estavam na frente do Batalhão de Missões Especiais (BME), em Vitória.

Informações da Folha de S.Paulo

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012