18 de agosto de 2022


Carro de repórter é atingido por tiros em Boa Vista


13/12/2016


Carro de jornalista foi alvejado na madrugada desta segunda (12) (Foto: Luiz Valério/Arquivo Pessoal)

Carro de jornalista foi alvejado na madrugada desta segunda (12) (Foto: Luiz Valério/Arquivo Pessoal)

O site G1 publicou reportagem sobre o carro do jornalista Luiz Valério, de 42 anos, que foi alvo de tiros na madrugada desta segunda-feira (12) no bairro Jardim Floresta, na zona oeste de Boa Vista, em Roraima. Ninguém se feriu. De acordo com Valério, o veículo estava dentro do terreno da casa em que ele mora e foi alvejado por pelo menos dois tiros. Os disparos foram efetuados por volta de 1h30.

“Eu estava dormindo, quando eu e minha família acordamos com o barulho dos tiros. A princípio, achamos que os disparos tinham sido na rua, na frente da nossa casa. Chamamos a Polícia Militar, mas não tivemos retorno”, afirmou.

Ao G1, a assessoria do governo informou que vai apurar as circunstâncias de não ter ocorrido o despacho imediato de viatura para atender ao chamado.

O jornalista disse que só viu os buracos no veículo na manhã desta segunda. “Eu e minha família nos surpreendemos quando vimos as marcas de tiro hoje pela manhã, quando saíamos para trabalhar”, relatou.

Os disparos, efetuados na parte traseira do carro, atravessaram os bancos e atingiram o para-brisa. “Acredito que o autor dos disparos atirou do portão para alvejar o carro, e fugiu a pé, porque não ouvimos barulho de carro, apenas o barulho dos tiros”, afirmou.

A matéria destaca ainda que o jornalista diz acreditar que o episódio foi para intimidá-lo e que está relacionado com a profissão que exerce. Valério já foi radialista e mantém um blog de política.

“Há alguns dias notei homens de moto ‘rondando’ minha casa e no sábado [10] tinha um carro parado nas proximidades da minha residência. Então, infelizmente, essas coisas me parecem ameaças”, declarou.

O caso foi registrado junto à Polícia Civil. O jornalista disse ainda que vai requisitar perícia no veículo.

Em nota, a Secretaria estadual de Segurança Pública informou que já deu início às investigações.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012