Reinventar promove Semana de Jornalismo Literário


07/10/2016


oficinaliteraria_grande

A Rede Reinventar JornalistasRJ comemora seu primeiro ano de funcionamento voltando-se para a capacitação, com a realização da Semana Reinventar de Jornalismo Literário, de 17 a 21 de outubro, das 9 às 13h, na sede da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), no Centro do Rio. As atividades reúnem oficina, workshop, curso e seminários com a participação do presidente da ABI, Domingos Meirelles e das também jornalistas-escritoras Luciana Castro, Luize e Tania Carvalho. A programação é voltada a profissionais e estudantes de jornalismo e Comunicação, mas aberta a profissionais e interessados em ingressar no mercado editorial.

A iniciativa é inspirada no 14º Encontro Reinventar JornalistasRJ, realizado em setembro, na ABI, onde os quatro facilitadores, além da jornalista-escritora Beatriz Coelho, falaram de seus trabalhos, provocando um grande interesse do público por uma capacitação específica neste segmento. “Eles mostraram as inúmeras possibilidades existentes hoje no mercado editorial, além dos desafios, tendências e oportunidades em uma área que, ao contrário do se pensa nestes tempos de redes sociais e leitura cada vez mais rasa, só faz crescer”, afirma a jornalista Rosayne Macedo, idealizadora e coordenadora do Reinventar. Em parceria com a ABI, a rede já realizou 15 encontros, com mais de 1,2 mil participantes e 60 palestrantes, com o objetivo de repensar o jornalismo nos tempos atuais e buscar alternativas reais de trabalho.

Mais sobre a Semana

A Semana será aberta na segunda-feira, dia 17, às 9h, com a oficina ‘Construção Literária – Ficção’, de Luciana Castro. A escritora vai falar da construção de personagens, enredo, temas, cenários, desenvolvimento de ideias. Serão dois módulos: escrevendo um livro e publicando um livro.

Na terça-feira, dia 18, no Workshop ‘Construindo o Romance Histórico: da pesquisa à escrita’, Luize Valente pretende mostrar, de maneira geral e prática, as etapas de pesquisa, criação da trama e de personagens no romance histórico. Ela também vai abordar a relação entre fato e ficção, tom jornalístico versus tom literário e a interação deles com realidade histórica, bem como selecionar e organizar informações.

Na quarta e quinta-feira, dias 19 e 20, Tania Carvalho traz o curso ‘As dores e Delícias de ser Ghost Writer’. No primeiro dia, Tania tratará sobre o que é uma biografia e uma autobiografia escrita por um ghost. No segundo dia, abordará análises de casos, bons e maus exemplos de livros escritos por ghosts, além de técnicas para atrair a atenção do leitor. Tânia vai explicar ainda os macetes do mercado e os vários tipos de contrato de ghost writer.

Já na sexta-feira, dia 21, haverá nova rodada literária com Luciana Castro, às 9 horas. A escritora segue abordando casos literários para reforçar os temas tratados no dia 19. Também no mesmo dia, a partir das 10h30, o presidente da ABI, Domingos Meirelles, encerra a semana de imersão literária, com o seminário ‘As fronteiras entre jornalismo, história e literatura’, em que fala de suas obras.

Inscrições já estão abertas pelo https://goo.gl/forms/6vYxx3REFOMHoV… e custam apenas R$ 70 por dia. Público-alvo é de jornalistas e estudantes. Interessados no mercado editorial também podem participar.

Serviço:

Semana Reinventar de Jornalismo Literário

Data: De 17 a 21 de outubro, das 9 às 13h

Local: Associação Brasileira de Imprensa – ABI (Rua Araújo Porto Alegre, 71 – 7º andar – Centro)

Inscrições: https://goo.gl/forms/6vYxx3REFOMHoV…

Investimento: R$ 70 por dia, com direito a certificado ABI-Reinventar

* O pagamento pode ser parcelado em até 5 vezes pelo Pag Seguro

Reinventar: https://www.facebook.com/reinventar…

 

Mais informações: cursos@reinventar.jor.br

Assessoria de Imprensa: ascom@reinventar.jor.br

(Luiza Xavier, Mônica Ulisses e Débora Diniz)

 

Mais sobre os facilitadores

DOMINGOS MEIRELLES é autor das seguintes obras: ‘Repórteres’ (obra coletiva), ‘As Noites das Grandes Fogueiras – Uma História da Coluna Prestes’ (Prêmio Jabuti/Melhor Reportagem, de 1996), 1930 – ‘Os órfãos da revolução’ (Prêmio Jabuti/Ciências Humanas de 2006) e ‘As Guerras dos Gaúchos: a história dos conflitos’ (obra coletiva, que recebeu o prêmio especial de literatura Açorianos, de 2009). Presidente da ABI desde 2014, ele ingressou na carreira em 1965, como estagiário do jornal Última Hora, após dois anos trabalhando como vendedor de máquinas de escrever. Passou pelas revistas Capricho, Cláudia, Quatro Rodas e Realidade. E depois pelas redações de O Jornal, O Globo, Jornal da Tarde e O Estado de S. Paulo. Em novembro de 1985, entrou para a Rede Globo de Televisão como repórter especial, onde realizou dezenas de trabalhos em toda a América Latina para o Fantástico, Jornal Nacional e Globo Repórter. Desde 2014 está na Rede Record onde apresenta o Repórter Record Investigação.

LUIZE VALENTE é documentarista e jornalista, tendo trabalhado nas TVs Globo, Bandeirantes, GNT e GloboNews. É autora, com Elaine Eiger, do livro ‘Israel Rotas e Raízes’ (2000) e dos documentários ‘Caminhos da Memória – A Trajetória dos Judeus em Portugal’ (2002) e ‘A Estrela Oculta do Sertão’ (2005), prêmio de Melhor Documentário no Festival Internacional de Cinema Judaico de SP, ambos exibidos pelo Canal Brasil. Estreou na literatura com o romance ‘O Segredo do Oratório’.

LUCIANA CASTRO foi bailarina clássica, trabalhou como repórter esportiva durante 10 anos. Em 2013, decidiu dedicar-se à carreira de escritora. Desde então, escreveu para a editora Chiado, uma das maiores da Europa. Neste ano, lançou seu primeiro suspense, inspirado em fatos reais, passando a escrever para uma editora brasileira. Sua escrita é marcada pela intensidade de suas tramas, sempre com cenários e fatos reais.

TANIA CARVALHO é jornalista e tem 18 livros publicados na Coleção Aplauso, da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo – especializada em depoimentos na primeira pessoa de atores, diretores, cineastas, entre outros nomes da cultura nacional. Dentre eles, ‘Irene Ravache – Caçadora de Emoções’, ‘Tony Ramos – No Tempo da Delicadeza’, ‘Paulo José – Memórias Substantivas’ e ‘Tônia Carrero – Movida pela Paixão’, finalista do Prêmio Jabuti 2010. Como ghost writer, tem outros livros publicados, mas como é fantasma não pode citá-los.

 

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012