29 de setembro de 2022


ABI participa do lançamento da plataforma dos jornalistas do Ceará para as eleições 2022


20/09/2022


Por Salomão de Castro, conselheiro da ABI, da Comissão de Defesa da Liberdade de Imprensa e dos Direitos Humanos

Nesta terça-feira (20/09), o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Ceará (Sindjorce), com o apoio da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), lançou a plataforma dos e das jornalistas do Ceará para as Eleições 2022 e entrega das propostas aos candidatos e candidatas cearenses. O evento se deu na sede do Sindicato, em Fortaleza (CE). O jornalista Salomão de Castro, integrante da Comissão de Defesa da Liberdade de Imprensa e dos Direitos Humanos da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), bem como do Conselho Deliberativo da entidade, participou da atividade.

Os postulantes ao Governo do Estado do Ceará, à Assembleia Legislativa do Ceará, ao Senado e à Câmara dos Deputados e à Presidência da República foram convidados a selar compromisso com as propostas da categoria. Dentre os nomes presentes, estiveram a candidata do PCB à Presidência da República, Sofia Manzano, a candidata a vice-governadora Jade Romero (MDB), da chapa de Elmano Freitas (PT), bem como candidatos à Assembleia Legislativa do Ceará e Câmara dos Deputados pelo PT, Psol, PCdoB, PCB e UP.

O material elenca as principais pautas debatidas nos últimos congressos estaduais e nacionais da categoria, assim como demandas históricas da classe. As propostas apresentadas são o espelho do que jornalistas esperam para o Ceará e para o Brasil, tanto do Executivo quanto do Legislativo.

“A plataforma apresenta as demandas históricas dos e das jornalistas do Ceará e do Brasil e atua na perspectiva da consolidação de um projeto de desenvolvimento democrático-popular. As propostas também defendem a retomada de direitos usurpados no Congresso, especialmente os do trabalho, a promoção do direito à informação e o fortalecimento dos processos de democracia direta e participativa”, ressaltou Rafael Mesquita, presidente do Sindjorce.

Para Salomão de Castro, o momento atual é de mobilização dos jornalistas e comunicadores. “As eleições se aproximam e muitas questões relevantes estão em pauta”, apontou. Em contato com candidatos e jornalistas presentes ao evento, Salomão divulgou o Observatório Liberdade de Imprensa e Democracia (LID), da ABI, que recebe denúncias relacionadas a atos de violência contra jornalistas e comunicadores.

 

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012