19 de agosto de 2022


ABI denuncia Governo Federal e pede medidas ao Parlamento Europeu


05/06/2021


Sou Paulo Jeronimo, presidente da Associação Brasileira de Imprensa, entidade centenária de defesa das liberdades democráticas, da liberdade de expressão e dos direitos humanos. Em nome da ABI, no Dia Internacional do Meio Ambiente, acuso o presidente Jair Bolsonaro por crimes ambientais praticados contra o Brasil, nos últimos dois anos.

Foram recordes avassaladores de desmatamento da Amazônia; de incêndios criminosos, que destruíram parte do Pantanal e devastaram uma área enorme da Amazônia; de contrabando de madeiras ilegais, de invasões de áreas protegidas por lei e de áreas preservadas para indígenas. Invasões feitas por garimpeiros, ocupantes ilegais de terras públicas (grileiros) e madeireiros, protegidos pela omissão e a conivência do próprio Ministério do Meio Ambiente.

Chegou-se ao cúmulo de o ministro do Meio Ambiente, investigado pelo Supremo Tribunal Federal por corrupção, posar para fotos diante de toras ilegais destinadas ao contrabando.

O Brasil está sendo governado por um presidente, considerado psicopata por especialistas, e genocida responsável diretamente pelas quase 500 mil mortes de brasileiros, durante a pandemia do COVID-19.

Os brasileiros pedem ao Parlamento Europeu que aprove medidas, em defesa do meio ambiente, que exijam a comprovação da legalidade dos produtos exportados relacionados com os ecossistemas ameaçados do Brasil.

Veja o video:

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012