TV:classificação indicativa em áudio


23/03/2010


Por determinação da Secretaria Nacional de Justiça as emissoras de televisão terão que veicular a classificação indicativa da programação também em áudio. Atualmente, a faixa etária para a qual cada programa é recomendado aparece apenas em uma mensagem escrita no vídeo, não atingindo o público portador de deficiência visual e analfabeto. O Secretário nacional de Justiça, Romeu Tuma Júnior, disse que a ordem para exibir a classificação em áudio atende a uma demanda captada em pesquisa realizada em 2008. Ele informou que ainda fará uma rodada de conversas com as redes de televisão para definir uma mensagem padrão para o áudio.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012