A Tribuna quer reduzir em 20% salário de funcionários


01/04/2016


logotribunaO Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo postou em seu site que trabalha junto com o Sindicato dos Trabalhadores Gráficos de Santos, o Sindicato dos Empregados da Administração das Empresas Proprietárias de Jornais e Revistas de São Paulo, São Vicente e Região contra a redução salarial que o jornal A Tribuna de Santos está tentando empurrar para os trabalhadores.

A empresa quer reduzir em 20% os salários de jornalistas, gráficos e administrativos. Ela alega prejuízos e com a medida quer reduzir os 60% dos gastos que tem com folha de pagamento. A proposta da empresa indignou os representantes sindicais que não aceitaram a redução salarial, já que no site da Empresa a justificativa não confere. Diz lá: “veículo de comunicação que com a sua trajetória de crescimento evoluiu para o surgimento do grupo empresarial, que atualmente congrega a TV Tribuna entre outras empresas”.

Segundo o site, as entidades pediram para a empresa abrir a contabilidade para ver se há prejuízos, mas eles não apresentaram os números do livro caixa (e sim uma planilha). Nesta semana, foi enviado um ofício solicitando reunião com representantes do Sistema a Tribuna de Comunicação (SAT) para discutir a incompatibilidade da questão.

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo ressalta que, no ano passado, A Tribuna de Santos demitiu 19 trabalhadores incluindo dois dirigentes sindicais. Após pressão e mobilização em frente à empresa, os sindicatos conseguiram barrar na Justiça as demissões e conquistaram a reintegração de dirigentes sindicais demitidos, já que se tratava de uma prática antissindical.

A decisão foi tomada após instauração de dissídio no tribunal, ocorrida por solicitação dos sindicatos de não aceitarem as demissões em massa realizadas pela empresa e pressão por uma negociação.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012