ONG Girls in Tech promove encontro sobre Transmídia


Por Claudia Sanches*

06/07/2016


transmediaJá ouviu falar de Transmídia? Não? Então o próximo encontro da iniciativa Girls in Tech no Rio de Janeiro é uma ótima oportunidade para conhecer sobre o assunto. No evento – que será realizado 13 de julho, às 19h, no Olabi, um espaço dedicado ás novas tecnologias, localizado em Botafogo – Renata Frade, sócia-fundadora da Punch! e membro do Girls in Tech, falará sobre o que é Transmídia, a origem do conceito e como aplicá-lo nos negócios. O evento é gratuito e contará com rodada de pitchs  (discurso de venda) de 1 minuto. Para apresentar seu pitch, basta se identificar com uma das pessoas da organização.

“Depois do sucesso que foi o Lady Pitch Night, em São Paulo, é uma alegria voltar com os encontros regulares no Rio de Janeiro, ainda mais com um tema tão em voga como Transmídia. Mais uma vez contamos com a parceria do Olabi que tem nos recebido muito bem e também com o apoio do Senac/RJ”, comenta Monique Corrêa, codiretora executiva do Girls in Tech Brazil e cofundadora da PetRoomie, comunidade de compartilhamento de espaço para hospedagem e cuidado de pets.

Conceito popularizado pelo M.I.T. (Massachusetts Institute of Technolog) , desde o lançamento do livro Cultura da Convergência, de Henry Jenkins, o Transmídia será abordado de maneira prática e simples por Renata Frade, membro do Girls in Tech e sócia-fundadora da Punch!, empresa de comunicação transmídia e desenvolvedora tecnológica brasileira. A especialista já esteve no núcleo de pesquisa desta área na universidade norte-americana e há quase 10 anos estuda a evolução do transmídia: tecnologia – comunicação – interação.

“Apesar de bastante difundido, o conceito transmídia ainda é confuso para quem já ouvir falar, ou está entrando em contato pela primeira vez. Não existe uma definição apenas, são pesquisadores de todo o mundo tentando acompanhar e explicar como a propagação de histórias sobre marcas, empresas, produtos e pessoas, através de mídias digitais e audiovisuais, molda comportamentos e é uma ferramenta crucial para os negócios”, explica Renata Frade.

Sobre o Girls in Tech

O Girls in Tech (GiT) é uma iniciativa global sem fins lucrativos que busca promover o engajamento de mulheres que lidam com novas tecnologias. Composto por profissionais com capacidade para inspirar e liderar, é objetivo do grupo incentivar o crescimento da presença de mulheres inovadoras e empreendedoras no ambiente de tecnologia, criando condições para que tenham sucesso e que assumam posições de destaque nesse ecossistema.

Fundado em 2007 pela americana Adriana Gascoigne, o GiT hoje está presente em mais de 18 países. O formato de trabalho vem sendo estruturado para auxiliar mulheres em três pilares: educação formal (ensino médio), networking/mentoria e formação profissional. No Brasil, o GiT foi lançado em junho de 2013 em São Paulo, em agosto de 2015 no Rio de Janeiro, quando se iniciou o Girls in Tech Brazil.

Sobre Renata Frade

Empreendedora luso-brasileira, Renata Frade é sócia-fundadora da Punch!, empresa que desenvolve projetos, estratégias, produtos e serviços de comunicação transmídia e interação entre tecnologias próprias, como aplicativos, realidade aumentada e internet das coisas. É professora e consultora de transmídia, com especialização na área realizada no M.I.T. Mestre em Literatura Brasileira pela UERJ e especializada em Novas Mídias pela Universidade de Stanford (EUA). Pós-graduada em Jornalismo pelo Jornal O Dia/UniverCidade, graduada em Comunicação Social pela PUC-Rio. Renata também é membro do Board do Girls in Tech.

Atuou por 12 anos com Comunicação, Marketing, Jornalismo e Relações Públicas no Brasil e no exterior, em multinacionais europeias e na norte-americana Edelman, maior empresa de RP do mundo, além de agências de comunicação, empresas, instituições governamentais e filantrópicas. É também escritora, tradutora e criadora, pela Punch!, do primeiro projeto multiplataforma de literatura nacional para jovens no Brasil, LitGirlsBr, lançado em 2015 e em desenvolvimento.

Serviço
5º Meetup Girls in Tech Rio de Janeiro
Data: 13 de julho
Hora: 19 às 22h
Local: Olabi
Endereço: Rua Barão de Lucena, 85A, Botafogo, Rio de Janeiro – RJ

Links
Girls in Tech Brazil http://brazil.girlsintech.org/
Punch! http://punchcomunicacao.com.br/

A Diretoria decidiu reabrir o prédio da ABI das 9h às 17h, apenas com serviço de portaria, ascensoristas e funcionários da limpeza, seguindo protocolos mínimos:

– Uso de máscaras;
– Termômetro digital para medir a temperatura dos usuários do prédio;
– Distanciamento de 1,5 metros na portaria entre as pessoas para subir no elevador;
– Os elevadores só poderão levar no máximo 2 pessoas e levarão passageiros do 4° ao 8° andar, o acesso ao 2° e 3° andar será feito pelas escadas;
– Os elevadores terão um recipiente de álcool gel para ser utilizado e serão desinfetados a cada 2 horas ;
– Não poderá haver aglomeração em nenhum andar.

Antero Luiz Martins da Cunha
Diretor Administrativo