1 de outubro de 2022


Furo de reportagem será investigado


10/07/2008


O Ministro da Justiça, Tarso Genro solicitou à Polícia Federal (PF) abertura de inquérito administrativo para apurar um eventual vazamento, para a Rede Globo, de informações privilegiadas sobre a Operação Satiagraha, deflagrada na última terça-feira, 8, e pediu desculpas aos veículos que não foram comunicados dos fatos. De acordo com matéria da Folha de S.Paulo, o jornalista César Tralli será intimado a prestar depoimento sobre o caso, por ter sido o único a cobrir as prisões dos banqueiros Daniel Dantas e Naji Nahas e do ex-Prefeito de São Paulo Celso Pitta. Em nota, o Diretor-executivo de Jornalismo da Globo, Ali Kamel, rechaçou acusações de informações privilegiadas e afirmou que a emissora não revelará detalhes sobre “os diversos passos que a levaram a dar o furo de reportagem depois de meses de trabalho e graças à credibilidade de que dispõe na sociedade e em múltiplas fontes de informação nas três esferas do Poder Público”.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012