Condenação no Senegal


12/09/2008


O senegalês El Malick Seck, Diretor do jornal independente 24 Heures Chrono, foi condenado nesta sexta-feira, dia 12, a três anos de prisão por ofender o Presidente da República, Abdoulaye Wade, e difundir notícias falsas. A Justiça de Dakar ordenou ainda a suspensão da publicação por três meses. Em 28 de agosto, Seck publicou reportagem envolvendo o Presidente e seu filho Karim em uma suposta operação de lavagem de dinheiro. De acordo com a agência de notícias EFE, o jornalista afirmou que nenhum dos envolvidos no escândalo desmentiu as acusações.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012