24 de setembro de 2022


Censura na África


29/05/2008


O semanário La Croisade foi suspenso por dois meses pelo Conselho Nacional de Comunicações da Guiné, na África, por ter publicado um editorial que fazia referência aos rumores de que a esposa do Presidente do país sofreria de problemas mentais e, portanto, teria ido a França em busca de tratamento. De acordo com o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ), esta já é a terceira vez que um jornal na Guiné é suspenso este ano. Em 2006, o mesmo La Croisade foi suspenso em função da matéria sobre a morte de um motorista de Lansana Conté, Presidente desde 1984.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012