26 de novembro de 2022


Ação de escoteiros incentiva culinária sustentável


21/06/2017


Para prestigiar 2017, em que a ONU declarou o Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento, o 26º MutEco (Mutirão Nacional Escoteiro de Ação Ecológica), promovido pela União dos Escoteiros do Brasil, neste mês de junho, o 116º GEMar, Grupo de Escoteiro do Mar Marquês de Tamandaré, realizou na Comunidade do Morro Azul, no bairro do Flamengo, a atividade  “Cozinha Sustentável”.

O objetivo do trabalho é de conscientizar e incentivar a população a minimizar o desperdício de alimentos, apresentando receitas que reutilizassem cascas de frutas e legumes e se tornassem alternativas sustentáveis para o cardápio do dia-a-dia.

O projeto teve início com a palestrante, Márcia Regina de Jesus, da Associação dos Moradores do Bairro Azul (Amba), abordando o tema da importância das ações de sustentabilidade para a comunidade. Após a palestra os jovens foram divididos em equipes mistas e cada uma recebeu uma receita previamente selecionada pelos Escotistas (adultos com idade a partir de 21 anos que atuam no escotismo como voluntários, coordenando as ações dos jovens). As receitas selecionadas foram o bolo de casca de abóbora, a geleia de casca de melão, bolo de cascas de banana e chips de cascas de batata, cenoura e batata doce.

A tarefa inicial foi a execução dos pratos, onde cada equipe foi avaliada por uma comissão de Escotistas nos quesitos, trabalho em equipe, limpeza e organização.

Em um segundo momento os jovens levaram seus pratos prontos para diversos pontos dentro da comunidade e no entorno do bairro do Flamengo, apresentando a receita e fazendo a abordagem da população para a degustação, explicando sobre o projeto e a questão do melhor aproveitamento dos alimentos. A população aprovou a iniciativa do projeto e ficou surpresa com a apresentação e o sabor dos pratos.

Segundo o coordenador do 26º MutEco do Grupo 116º GEMar, o Chefe Sênior, Alan da Silva Feitoza, o projeto foi um sucesso.  “Foi notável a integração entre os jovens, que apesar de idades e mentalidades diferentes conseguiram executar a tarefa proposta sem nenhum problema ou ajuda dos Escotistas. Os pioneiros (jovens na faixa etária entre 18 e 21 anos) e sêniores (jovens na faixa etária entre 15 e 18 anos) com espírito de liderança distribuindo tarefas e organizando as equipes, os escoteiros (adolescentes na faixa etária entre 11 e 14 anos) com bastante ânimo, habilidade e prática na cozinha, e os lobinhos (crianças na faixa etária entre 6,5 e 10 anos) que se mostraram extremamente comunicativos e desinibidos para abordagem dos adultos”.

O MutEco ocorre anualmente, conforme proposta da UEB – União dos Escoteiros do Brasil. Segundo Alan Feitoza, o  grupo 116º GEMar atingiu o objetivo proposto para esse ano, conscientizando a população para o desperdício de alimentos.

Os interessados em participar ou conhecer o 116º GEMar – Grupo de Escoteiros do Mar podem entrar em contato através do telefone (21)2245-1532, aos sábados, das 16h às 18h ou pelo e-mail 116rjgemar@gmail.com.

Galeria de fotos

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012