TV africana é fechada


26/02/2008


O Governo de Camarões, na África, encerrou as atividades da Equinoxe Télévision, uma das principais TVs privadas do país. De acordo com o Ministro das Comunicações, Jean-Pierre Biyiti Bi Essam, a emissora estava em situação ilegal por não ter pagado a taxa de licenciamento de transmissão, no valor de 100 milhões de francos CFA — cerca de € 153 mil. No entanto, o Diretor do Sindicato dos Jornalistas de Camarões, Jean-Marc Soboth, informou que a referida taxa só foi paga por três canais do país (Spectrum TV, TV+ e 2 International), enquanto os demais ficaram no regime de tolerância administrativa. Segundo o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ), a Equinoxe Télévision foi fechada para censurar sua cobertura política.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012