4 de dezembro de 2022


Treinador ameaça jornalista da BBC de agressão


03/04/2017


David Moyes gesticula durante a derrota do Sunderland para o Watford - Matthew Childs / REUTERS

David Moyes gesticula durante a derrota do Sunderland para o Watford – Matthew Childs / REUTERS

O técnico do Sunderland, David Moyes, ex-treinador do Manchester United, ficou incomodado com as perguntas de Vicki Sparks, repórter da BBC que cobria a partida contra o Burnley, no último dia 18, fato divulgado nesse fim de semana. Além de não estar bem dentro de campo — o time é o lanterna da competição —, Moyes ameaçou uma jornalista de “levar um tapa mesmo sendo mulher” após entrevista coletiva.

Segundo O Globo, na ocasião, Moyes foi questionado por Vicki Sparks se estava sentindo-se pressionado devido à presença recorrente do presidente do clube, Ellis Short, nas tribunas do estádio.

O treinador se esquivou do assunto, mas passou a atacar verbalmente a jornalista depois que a entrevista foi oficialmente encerrada. As câmeras de televisão, ainda ligadas, captaram as advertências dirigidas por Moyes à jornalista:

“Você foi um pouco maliciosa no final, então é melhor prestar atenção. Você pode levar um tapa mesmo sendo mulher. Tome cuidado da próxima vez que vier”, disse Moyes.

Embora a repórter não tenha prestado reclamação formal, um porta-voz da BBC afirmou nesta segunda-feira que Moyes pediu desculpas após o episódio. Um porta-voz do Sunderland confirmou que Moyes e Sparks conversaram e “resolveram amigavelmente” a questão.

Moyes ganhou notoriedade quando foi escolhido para assumir o Manchester United em 2013 como sucessor de Alex Ferguson, treinador que estava no clube desde 1986. O fraco desempenho, contudo, fez com que ele não durasse nem uma temporada no cargo.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012