Repórter do G1 é agredido por bandidos durante matéria no Rio de Janeiro


Por Igor Waltz*

10/11/2014


O Portal G1 denunciou que um de seus jornalistas foi rendido e agredido por criminosos nesta segunda-feira, 10 de novembro, enquanto fazia uma reportagem no Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio de Janeiro. Henrique Soares apurava uma matéria na Avenida Itaoca, no bairro de Bonsucesso, por volta do meio dia, quando foi abordado por dois homens que o confundiram com um policial. Ele foi solto depois de cerca de 40 minutos, com ferimentos leves na cabeça e nos braços.

Soares estava preparando uma reportagem sobre falta de moradias e invasões de terrenos e áreas abandonadas no Rio. Ao chegar ao local, uma fábrica abandonada que foi invadida, um representante da associação de moradores disse que haveria uma operação policial e que não seria um bom dia para conversar.

O jornalista caminhava de volta até o carro da reportagem, onde era esperado pelo motorista. No caminho, porém, ele foi abordado por dois criminosos, que o renderam e o levaram a um galpão abandonado, onde foi agredido na cabeça e nos braços com um pedaço de pau e teve seu celular e relógio roubados.

Ele foi liberado com a aproximação da polícia e depois que representantes da associação de moradores relataram que ele era de fato um jornalista. O repórter foi atendido na UPA da Nova Brasília e prestou depoimento à polícia. Segundo familiares, o profissional passa bem.

*Com informações do G1 e da agência Estadão Conteúdo.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012