Jornalista morto nas Filipinas


18/08/2008


O jornalista Ronaldo Julia, de 41 anos, foi morto na última sexta-feira,16, na região sudeste das Filipinas. Ele foi atingido por três tiros quando estava próximo de sua casa, na cidade de Magarao Estero. Julia é o sexto profissional de imprensa assassinado no país apenas neste ano. O jornalista trabalhava na rádio DZGE e era responsável pela cobertura da política da revista Weekly Informer. De acordo com a polícia local, um homem que discutiu com Julia dois dias antes do crime é o principal suspeito. Para um dos irmãos da vítima, o crime tem motivação política, já que o suspeito seria parente do Prefeito da cidade.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012