Jornalista acusado de terrorismo


13/01/2009


A ONG Repórteres Sem Fronteira divulgou comunicado nesta terça-feira,13, questionando a notificação do jornalista peruano Raúl Wiener, do jornal La Primera, para responder a um interrogatório sob a acusação de “delito contra a tranquilidade pública (terrorismo)”. O mesmo procedimento teria sido aberto contra outras treze pessoas suspeitas de terem relações com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). Para a RSF, “o fato de um jornal considerado de esquerda investigar um caso relacionado às Farc, não significa que seja conivente com o grupo armado.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012