Debate: Jornalismo Internacional e cobertura de crises humanitárias


Por Igor Waltz*

23/10/2014


1006087_754384281299762_6585893500237464362_n

O Diretório Acadêmico de Comunicação Social da Universidade Federal Fluminense (Daco/UFF) realiza, nesta quinta-feira, 23 de outubro, às 19h, o debate “Jornalismo Internacional e Cobertura de Crises Humanitárias”. O evento, que acontece no Instituto de Artes e Comunicação Social da UFF, conta com a presença de representantes da ONU e da Anistia Internacional para discutir as particularidades de cada situação de crise, os referenciais de direitos humanos na cobertura jornalística e o que faz uma tragédia receber mais atenção midiática que outras.

Participam do debate o assessor de direitos humanos Maurício Santoro, da Anistia Internacional, e o jornalista Gustavo Barreto, do Escritório de Informações da ONU (UNIC-Rio) e da revistaConsciência.net.

O atual surto de ebola matou mais de 4 mil pessoas na África, mas só começou a ganhar destaque na mídia quando a doença atingiu cidadãos nos EUA e na Europa. O grupo Estado Islâmico já vinha atuando na Síria e no Iraque há três anos, mas ganhou holofotes da imprensa quando começou a matar jornalistas ocidentais.

Enquanto isso, conflitos armados e crises humanitárias estão em andamento no Congo, Sudão do Sul, República Centro-Africana, México e Nigéria, entre outros países, mas, em pleno século XXI e com as tecnologias de informação digitais supostamente “ao alcance de todos”, a mídia escolhe apenas um punhado para tratar, com critérios muitas vezes questionáveis.

O debate acontecerá na Sala Interartes, com capacidade limitada. A entrada é franca. Participantes terão direito a certificado.

Serviço

Debate Jornalismo Internacional e Cobertura de Crises Humanitárias

Quando: quinta-feira, 23 de outubro de 2014, 19h

Onde: IACS – Rua Prof. Lara Vilela, 126 – Ingá, Niterói – RJ

Organização: DACO UFF

Convidados:

Gustavo Barreto, jornalista na ONU e na revista Consciencia.net

Maurício Santoro, assessor de direitos humanos da Anistia Internacional

Mediação:

Pedro Aguiar, professor de Jornalismo do IACS/UFF

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012