24 de setembro de 2022


Homenagem aHeleny Guariba


25/11/2009


A teatróloga Heleny Ferreira Telles Guariba (1941-1971), cujo nome integra a lista de desaparecidos políticos no Brasil, será homenageada na noite desta quarta-feira, 25, com a Ordem do Mérito Cultural. O evento, que contará com as presenças do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e dos Ministros Juca Ferreira, da Cultura, e Paulo Vannuchi, de Direitos Humanos, terá início às 18h, no Teatro Oi Casa Grande, na Av. Afrânio de Melo Franco, 290 — Leblon, Rio de Janeiro. O tema central da edição 2009 é o cinqüentenário de morte do compositor e maestro Heitor Villa-Lobos, um dos maiores expoentes da música brasileira. Paulista de Bebedouro, Heleny era casada com o professor de História, Ulisses Telles Guariba, com quem teve dois filhos. Especializou-se em cultura grega, trabalhou em teatro e deu aulas na Escola de Arte Dramática de São Paulo (EAD). Foi presa e torturada pela ditadura militar e teve o nome incluído na lista de milhares de desaparecidos políticos no País. A Ordem do Mérito Cultural, criada em 1995, pelo Ministério da Cultura, é o reconhecimento do Governo Federal a iniciativas, personalidades e instituições que se destacaram por suas contribuições à cultura nacional. As condecorações são entregues, anualmente, por ocasião do Dia Nacional da Cultura (5 de novembro). Ao longo de 14 anos, mais de quatrocentos prêmios foram distribuídos. ] As indicações, que podem ser feitas por qualquer cidadão, são avaliadas pela comissão técnica constituída por gestores das Secretarias do Ministério da Cultura. Integram o Conselho da OMC o Ministro de Estado da Cultura, que o preside na qualidade de Chanceler, os Ministros de Estado das Relações Exteriores, da Educação e da Ciência e Tecnologia.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012