Grupo Estado divulgabalanço ano de 2010


18/07/2011


Atuar e se desenvolver em diversos canais de difusão, de forma complementar e integrada, potencializando talentos e recursos e reforçando a interação com a sociedade por meio do jornalismo multimídia e do provimento  de serviços de informação e maximizando os resultados empresariais. Essa foi a síntese do ano de 2010 para o Grupo Estado, que divulgou recentemente o seu Relatório de Responsabilidade Corporativa 2010.
 
De acordo com o documento, o ano de 2010 foi marcado pelo acelerado ritmo de investimentos nos meios digitais, pelo redesenho editorial e gráfico do jornal O Estado de S.Paulo, pela atualização de seu design, lançamento de novos cadernos, ampliação do espaço da análise, opinião e contextualização das notícias.
 
O portal estadão.com.br modificou a forma de apresentar os conteúdos, aumentou a oferta de vídeos e áudios, a interatividade e a relação com as redes sociais, além de incorporar novos sites, como “Política” e “Esportes”.
 
A plataforma “Economia &Negócios” foi aprofundada com um novo site, produzido em conjunto com a Agência Estado, um novo caderno semanal, dedicado à cobertura de negócios, e mais espaço na cobertura diária.
 
Em 2010 foi marcado pelo lançamento da versão tablet do seu principal jornal, atualização do parque gráfico com a tecnologia computer-to-plate, que elimina o uso de filmes sintéticos e aumenta a qualidade gráfica do jornal impresso e reduzir os impactos ao meio ambiente.
 
A circulação do jornal O Estado de S.Paulo atingiu a média diária de 250.089 exemplares em dezembro, aumento de 13% sobre o mesmo período do ano anterior, segundo dados do Instituto Verificador de Circulação (IVC). O Jornal da Tarde fechou dezembro com média de 46.816 exemplares, 10% a mais do que no mesmo período de 2009.
 
Nos meios digitais, o portal estadão.com.br passou da sexta para a quarta posição no ranking de audiência na subcategoria Notícias Globais, no comparativo entre dezembro de 2010 e 2009, segundo o IBOPE Nielsen Online-Netview. No mesmo período, o crescimento do portal em usuários únicos foi de 32%.
 
A publicidade dos jornais do Grupo cresceu 7% no ano, índice superior à média dos jornais do País, que foi de 3%, segundo o Projeto Inter-Meios.
 
O faturamento publicitário do estadão.com.br e do portal Limão teve crescimento de mais de 50%, comparado com um crescimento do mercado de 28%.
 
A receita bruta consolidada do Grupo Estado atingiu R$ 976,8 milhões em 2010, registrando crescimento de 5% sobre o ano anterior. A receita líquida totalizou R$ 818,1 milhões, com elevação de 6% em comparação ao mesmo período de 2009. O lucro operacional atingiu R$ 86,3 milhões em 2010 e R$ 98,5 milhões em 2009, e o lucro líquido chegou a R$ 41,8 milhões, comparado a R$ 21,9 milhões em 2009.
 
O nível de endividamento medido pela relação entre a dívida líquida (empréstimos, financiamentos e debêntures menos caixa e equivalentes de caixa) e o Ebitda (sigla que representa o lucro antes de despesas de depreciação, juros e IR/ CSLL) apresentou índice de 0,68 em 31 de dezembro de 2010, comparado com 0,66 no ano anterior.
 

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012