1 de outubro de 2022


Governo do Sudão expulsa jornalista


09/02/2009


Heba Aly, jornalista canadense com nacionalidade egípicia, foi expulsa do Sudão. Ela estava na cidade de Darfur desde 2008, a serviço das agências de notícias da Bloomberg e das Nações Unidas (IRIN), e do jornal Christian Science Monitor. De acordo com a Angola Press, a repórter estava realizando reportagem sobre um fabricante de armas quando a segurança sudanesa ordenou que ela deixasse o país. Heba aguardava a resposta do pedido de renovação de seu credenciamento para atuar na região. Segundo o serviço de segurança do Sudão, “além de infringir as leis de imigração, a jornalista praticava atividades contrárias às suas atribuições, prejudicando a segurança nacional”.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012