Gabeira lança candidatura a Prefeito na ABI


11/03/2008


Ana Paula Aguiar

Stepan Nercessian, Marcello Alencar, o candidato Fernando Gabeira e Alfredo Sirkis

O jornalista e Deputado federal Fernando Gabeira (PV) escolheu a sede da ABI para lançar nesta terça-feira, 11, sua candidatura à Prefeitura do Rio de Janeiro, que vai disputar pela coligação Frente Carioca, formada pelos partidos PV, PSDB e PPS. Logo no início da coletiva à imprensa, ele falou sobre essa escolha do local:
— É uma forma de reafirmar o compromisso com a liberdade de imprensa e o excelente relacionamento que tenho com a Direção da Casa. E é uma oportunidade de fazer uma manifestação pela liberdade de imprensa, que está sendo muito ameaçada no Brasil.

Gabeira citou as ações da Igreja Universal contra a Folha de S.Paulo, que considera “uma ameaçadora tática para atropelar o direito de defesa e encurralar os jornalistas”.

Acompanhado do ex-Governador Marcello Alencar, do ex-Secretário de Meio Ambiente e Urbanismo Alfredo Sirkis e do Vereador Stepan Nercessian, o candidato a Prefeito afirmou que, após 14 anos de atuação parlamentar, se sente disposto a contribuir para a recuperação do Rio de Janeiro:
— Sinto que há uma vontade geral de renascimento e eu vejo a cidade como a Fênix, saindo da desordem e da decadência.

Falando de suas prioridades, o representante da Frente Carioca citou a geração de empregos e os setores da construção civil, segurança, turismo, cultura, meio ambiente, saúde e educação, área em que relembrou o empenho do ex-Governador Leonel Brizola:
— Nosso objetivo também será a ampliação do tempo das crianças na escola e incentivar a formação dos professores.

Perguntado se a referência a Leonel Brizola representaria um aceno ao PDT, Gabeira garantiu que sim, “sobretudo aos militantes do partido e a todos que admiram Brizola e, em particular, seu empenho quanto à educação”.

A ampliação do diálogo com outros partidos e candidatos é uma das metas de Gabeira, que pretende também estar mais próximo da população:
— Tenho meio século de vida pública e não tem sentido, em um momento como este, nós nos preocuparmos com divergências pessoais ou de qualquer tipo. Vamos trabalhar em conjunto e ajudar o Rio de Janeiro de forma decisiva. Estarei aberto ao diálogo com candidatos, partidos e, principalmente, com os moradores da cidade. Não acredito na tese de que os eleitores da Zona Sul votam diferente dos da Zona Norte, por exemplo. Quando eu começar a conversar com as pessoas, posso não conquistar a maioria, mas serei compreendido em todos os lugares.

Sobre seu vice na chapa, o candidato informou que o nome — vinculado ao PSDB — será anunciado em reunião marcada para a próxima semana. Sobre apoios, explicou que agendou encontro para os próximos dias com a Juíza e ex-Deputada Denise Frossard (PPS):
— Será uma honra receber o apoio de uma pessoa que tem importância não só por sua situação eleitoral, mas também por ter sido pré-candidata de um partido que eu muito respeito.

        

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012