3 de dezembro de 2022


Facebook tem como evitar fake news nas eleições


26/07/2018


A diretora global de engajamento com políticos e governos do Facebook, Katie Harbath, esteve no Brasil, terça-feira (24) para falar sobre a estratégia da companhia para combater as fake news durante as eleições deste ano. As informações são do Correio Braziliense.

Crédito: Pixabay

A executiva falou, na sede da rede social, em São Paulo, que a companhia elaborou uma lista de iniciativas para tentar impedir a proliferação de fake news.

Antes de outubro, segundo a reportagem do Correio Braziliense, será lançado um produto chamado “Town Hall”, que faz o meio de campo entre eleitores e políticos. Atualmente, apenas os usuários da rede nos Estados Unidos têm acesso à ferramenta. Além disso, está previsto para chegar ao Brasil o recurso Ballot (cédula, em tradução livre), que mostra a posição de diversos candidatos sobre temas específicos.

Outra novidade é a criação de um atalho para as autoridades colocarem um lembrete na linha do tempo sobre os endereços de votação.

Haverá mudanças, também, na parte de propaganda. A partir da próxima terça-feira (31), os anunciantes do Brasil poderão se registrar no Facebook para marcar anúncios como eleitorais. A medida foi tomada para impedir que pessoas de fora do Brasil possam impulsionar conteúdos. Quem não fizer o registro, não receberá o selo de autorização e ficará sujeito à fiscalização do Tribunal Superior Eleitoral.

A partir de 16 agosto, os partidos políticos poderão publicar anúncios com o rótulo de propaganda eleitoral, nos quais estarão estampados o CNPJ da sigla. Aos candidatos também será permitido fazer anúncios individuais. Neles contarão o seu cnpj e a legenda da qual é filiado.

Todos os anúncios eleitorais ficarão expostos, também, em uma biblioteca que será lançada no Brasil. Nela, além da imagem e do texto do anúncio, haverá informações como valor aproximado gasto com a publicidade e público impactado com o anúncio. Essa informação ficará disponível para consulta durante sete anos.

Fonte: Portal Imprensa

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012