7 de outubro de 2022


Protesto no Paquistão


01/09/2008


A Federação Internacional de Jornalistas (IFJ) e o Sindicato Federal de Jornalistas do Paquistão (PFUJ) condenaram o assassinato do jornalista Abdul Aziz, do jornal Azadi, ocorrido na última sexta-feira, 29, durante um ataque de forças do Governo ao esconderijo dos rebeldes em Swat, nas áreas tribais do Paquistão. O Secretário-geral da IFJ, Aidan White, afirmou que “as forças governamentais devem estar cientes dos problemas de segurança que afetam os jornalistas, para evitar que os repórteres sejam atingidos no fogo cruzado”. As duas entidades lembraram que a imprensa é, por norma, imparcial, rebatendo as declarações do Ministro da Informação do Paquistão, Sherry Rehman, que aconselhou a imprensa a não noticiar comunicados para “glorificar grupos rebeldes”.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012