Adonias Filho (1972-1974)

Pouco acostumado às lutas políticas enfrentadas pela Casa do Jornalista, nem por isso deixou de cumprir suas obrigações administrativas à frente a instituição

Quando foi eleito Presidente da ABI, o baiano Adonias de Aguiar Filho desfrutava de algum prestígio como romancista e pertencia à Academia Brasileira de Letras. Pouco acostumado às lutas políticas enfrentadas pela Casa do Jornalista, nem por isso deixou de cumprir suas obrigações administrativas à frente a instituição e chegou ao final do seu mandato com uma atuação considerada relevante na defesa dos jornalistas presos e dos jornais censurados.

A Diretoria decidiu reabrir o prédio da ABI das 9h às 17h, apenas com serviço de portaria, ascensoristas e funcionários da limpeza, seguindo protocolos mínimos:

– Uso de máscaras;
– Termômetro digital para medir a temperatura dos usuários do prédio;
– Distanciamento de 1,5 metros na portaria entre as pessoas para subir no elevador;
– Os elevadores só poderão levar no máximo 2 pessoas e levarão passageiros do 4° ao 8° andar, o acesso ao 2° e 3° andar será feito pelas escadas;
– Os elevadores terão um recipiente de álcool gel para ser utilizado e serão desinfetados a cada 2 horas ;
– Não poderá haver aglomeração em nenhum andar.

Antero Luiz Martins da Cunha
Diretor Administrativo