25 de setembro de 2022


Conflito na Geórgia vitima jornalistas


12/08/2008


O cinegrafista holandês Stan Storemans, do canal de TV RTL-4, morreu, e os repórteres Jeroen Akkermans, correspondente de Moscou, e Tzadok Yehezkeli, do jornal israelense Yedioth Ahronoth, ficaram gravemente feridos, durante um bombardeio russo na cidade de Gori, na Geórgia, na noite desta segunda-feira, 11. Segundo a ONG Repórteres Sem Fronteiras (RSF), desde o início do conflito na região separatista da Ossétia do Sul, quatro profissionais da imprensa foram mortos e outros quatro ficaram feridos. A RSF noticiou ainda a prisão dos jornalistas turcos Hilmi Hacaloglu e Cumhur Catkaya, da TV NTV, e de Levent Oztürk e Giray Ervin, da TV Kalturk, detidos nesta terça-feira, 12, por militares russos, após serem interrogados por várias horas. A Associação de Jornalistas e Correspondentes Estrangeiros na Turquia solicitou ao Ministério das Relações Exteriores de seu país e à Embaixada da Rússia, na região do conflito, a imediata libertação dos jornalistas. A RSF também exigiu das autoridades russas a soltura de todos, lembrando que “jornalistas que cobrem guerra são civis” e, portanto, “têm proteção internacional”.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012