Colômbia investigacrimes contra mídia


14/02/2011


A Advocacia-Geral da Colômbia anunciou que vai fortalecer a unidade especial que investiga crimes contra jornalistas. Segundo a Procuradora-Geral da Colômbia, Viviane Morales Hoyos, ao longo de 2010, foram registradas 50 ameaças contra profissionais da imprensa. 
 
De acordo dados da Federação Colombiana de Jornalistas (Fecolper), nos últimos quatro anos, sete jornalistas foram assassinados no país, e os casos de agressão duplicaram no período.
 
“As investigações focam os crimes de homicídio, o que é obviamente muito grave, mas as ameaças também significam um grave risco para a liberdade de informação”, afirmou Viviane.
 
*Com informações do Knight Center for Journalism.
 

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012