14 de agosto de 2022


Bolsonaro troca trator por voto no Congresso Nacional


12/05/2021


Mais uma vez, o presidente Bolsonaro demonstra o seu total despreparo para o cargo que ocupa, e agride jornalistas por causa da publicação de uma denúncia da existência de um orçamento paralelo e secreto, estimado em R$ 3 bilhões.

Desta vez, o alvo foram profissionais do jornal “O Estado de S. Paulo” que revelaram um gigantesco esquema de uso ilegal de recursos públicos, com a doação de tratores, retroescavadeiras e caminhões-pipa, além do asfaltamento de ruas e estradas em redutos eleitorais, beneficiando diversos parlamentares do Centrão.

Esta maracutaia, que envolve o presidente Bolsonaro e ministros, além dos presidentes do Senado e da Câmara Federal, já denominado de “Tratoraço”, está sendo investigada pelo Tribunal de Contas da União, e os acordos de distribuição das verbas ocorreram às vésperas das eleições para as presidências do Senado e da Câmara de Deputados, no início deste ano.

A Associação Brasileira de Imprensa (ABI) desagrava e se solidariza com os jornalistas ofendidos pelo ainda presidente Bolsonaro, que, por defender a tortura, não ter nenhuma empatia com os mais de 420 mil mortos pela Covid-19 e negar a ciência, entre outras infâmias, não tem a menor condição moral de ofender ninguém.

Paulo Jerónimo
Presidente da ABI

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012