29 de setembro de 2022

Irina Bokova


03/11/2015

Unesco alerta: cresce número de jornalistas mortos

Na última década mais de 700 profissionais de imprensa foram assassinados em todo o mundo, de acordo com relatório divulgado por Irina Bokova, Diretora das Nações Unidas. Esta triste estatística foi anunciada em Paris, capital da França, no Dia Internacional contra a Impunidade de Crimes contra Jornalistas.

16/07/2015

Unesco condenou execução recente de três profissonais de imprensa hondurenhos

A diretora-geral da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, Unesco, Irina Bokova, denunciou nesta quarta-feira, dia 15, o assassinato de três jornalistas em Honduras. Ela reiterou que crimes contra profissionais da mídia não podem ficar impunes.

13/05/2015

"Parem de matar jornalistas", dia a mensagem em foto da Unesco

Unesco repudia assassinato de jornalista no México

Irina Bokova, chefe da agência da ONU encarregada de promover e proteger a liberdade de expressão e de imprensa, exigiu rigor e celeridade nas investigações sobre a morte do repórter Armando Saldaña Morales, 52 anos, cujo corpo foi encontrado na última segunda-feira.


Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012