30 de setembro de 2022

Cláudia Silva Ferreira


21/03/2014

Policiais prestaram depoimento na 29ª DP (Madureira) na última quarta-feira, dia 19 (Crédito: Tomaz Silva/Agência Brasil)

Policiais que arrastaram mulher deixam presídio no Rio de Janeiro

Testemunha ouvida nesta sexta, 21, diz que não houve troca de tiros e que PMs tiraram o corpo de Cláudia do local quando ela já estava morta, com intenção clara de alterar o local do crime. Alex Sandro da Silva Alves, Adir Serrano Machado e Rodney Miguel Archanjo foram soltos no início da tarde.

20/03/2014

Policiais presos pela morte de Cláudia Silva Ferreira (Crédito: Marcelo Carnaval / Agência O Globo)

Justiça concede liberdade aos PMs acusados de arrastar mulher

Juíza Ana Paula Barros, da Auditoria Militar, concedeu liberdade provisória aos três policiais militares acusados de arrastar Claudia Ferreira Silva, de 38 anos, em uma viatura. Ministério Público Militar afirmou que não havia elementos suficientes para fazer uma denúncia que mantivesse os acusados na cadeia.

19/03/2014

ABI repudia violência contra mulher arrastada por viatura da PM

A Associação Brasileira de Imprensa(ABI) manifestou indignação em relação ao episódio envolvendo a auxiliar de serviços gerais Cláudia Silva Ferreira, de 38 anos, que, após ser baleada no Morro da Congonha, em Madureira, Zona Norte do Rio, foi arrastada por um carro da PM, presa ao porta-malas.


Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012