Plataforma recebe denúncias de corrupção no esporte


26/07/2016


Jornalista Hajo Seppelt. Foto: Reprodução de Twitter

Jornalista Hajo Seppelt. Foto: Reprodução de Twitter

O jornalista Hajo Seppelt, da TV pública alemã ARD, criou a plataforma SportsLeaks, na qual é possível denunciar casos de corrupção ou de trapaça no esporte. À agência de notícias AFP, Seppelt, que atualmente se dedica integralmente na investigação de casos envolvendo doping, contou sobre como se interessou pelos bastidores do desempenho esportivo.

“Eu comecei a me interessar por casos de doping em 1997. Foi durante os processos em torno do doping de Estado na Alemanha Oriental”, disse o jornalista, que produziu o documentário “Segredos de Estado no doping de crianças”, a primeira de uma série de investigações sobre irregularidades no esporte.

logo-square-webSegundo a AFP, o jornalista iniciou a carreira no final dos anos 1970, na rádio. Mais experiente, tornou-se comentarista esportivo da natação e, em 1992, passou a atuar na emissora pública alemã ARD, que conta com um serviço de investigação de doping.

Hajo Seppelt é alvo constante de ataques e críticas, em especial por parte da mídia e dos blogs russos, que o acusam de manipulação e de praticar acusações sem fundamento.

“Os jornalistas esportivos tradicionais, e eu mesmo fui um deles, contribuíram no passado para deturpar o olhar e afastar as pessoas da verdade, porque muitos deles se consideram amigos do esporte”, observou.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012