Morte de jornalistas


02/01/2008


De acordo com a Federação Internacional dos Jornalistas 171 profissionais de mídia morreram em 2007, número quase comparado ao total de jornalistas mortos, registrado em 2006. Segundo o comunicado da Federação, foram 134 assassinatos ou mortes violentas, e 37 ocorrências em acidente durante cobertura jornalística. O Iraque foi o País em que um terço dos jornalistas morreram. Seis jornalistas foram mortos no México, que se destaca pelo perigo na cobertura do narcotráfico. No Brasil morreram dois jornalistas: o fotógrafo freelance, Róbson Barbosa Bezerra, que foi baleado na porta de sua casa, no Rio de Janeiro, e o jornalista Luiz Carlos Barbon Filho, do Jornal do Porto, Morto a tiros em Porto Ferreira (SP), maio de 2007.

    

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012