4 de outubro de 2022


Mídia chinesa repudiaataques na Líbia


23/03/2011


O jornal oficial chinês Global Times manifestou nesta quarta-feira, dia 23, posição contrária à ofensiva aérea na Líbia autorizada pela ONU:
—O ocidente dominou o mundo durante séculos e a sua estratégia essencial é voltar a esta dominação. Os ataques provêm de uma decisão política de um punhado de potências ocidentais e a sua primeira mensagem é que o Ocidente é o juiz e o patrão do mundo, diz o editorial.
 
O jornal Diário do Povo, vinculado ao Partido comunista chinês, afirmou que a intervenção do Ocidente na Líbia deve ser condenada:
—Nenhum país tem o direito de dispôr à vontade de outro, ainda que a situação deste seja deplorável. De essencial, a intervenção política e militar ocidental está ligada ao petróleo e à posição estratégica da região.
A edição nacional do Diário do Povo critica em especial o Presidente francês Nicolas Sarkozy, destacando que “a França quer desempenhar um grande papel nos assuntos internacionais. Se a França pode conduzir a guerra na Líbia de maneira favorável, então o partido poderá reganhar a confiança do povo, o que será crucial para as eleições (presidenciais) do próximo ano”, afirma o jornal.
*Com informações da Angola Press.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012