18 de agosto de 2022


Jornalista da Globo é hostilizado e ameaçado em Nova York


16/11/2021


O profissional fazia a cobertura da maratona realizada na cidade

O jornalista Tiago Eltz, correspondente da Globo em Nova York, foi alvo de xingamentos e de ameaça durante a cobertura da maratona realizada na cidade estadunidense, no último domingo, 8. Identificado como Carlos Curi, o homem disse, em meio às ofensas, que “levaria o braço” do repórter.

O momento foi registrado em vídeo que foi publicado por Eltz e circula nas redes sociais. A gravação foi feita pelo jornalista, enquanto era verbalmente agredido e o homem se aproximava. Entre as ofensas, ele foi chamado de “bundão” e “otário”, xingamentos relacionados pelo agressor ao trabalho na TV Globo. Além disso, foi ameaçado: “Vou levar seu braço pra minha casa, seu bosta”.

“Domingo, 2 da tarde, na maratona de NY. Estava segurando o microfone da Globo quando esse casal começou a me xingar e a gravar, aparentemente se divertindo. Eles passaram e quando o homem começou a voltar, eu comecei também a gravar. O resto está no vídeo”, contou o correspondente, na publicação.

Na legenda do vídeo, no Instagram, Tiago Eltz revela ainda que a divulgação do vídeo tem como objetivo conseguir ajuda, já que é possível ver o rosto do agressor e ele mesmo diz o nome.

“To postando porque ele fala o nome dele – Carlos Curi (Cury?) – e talvez alguém que saiba onde ele trabalha, ou conheça a família, pode encaminhar o vídeo e talvez ele possa receber ajuda. Ajuda, porque é isso que acho que precisa alguém que anda na rua ameaçando arrancar o braço de alguém que ele não conhece”, finaliza.

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012