7 de julho de 2022


Hoje é dia de livro


21/06/2022


Maria Luiza Busse, diretora de Cultura da ABI

Imprensa surgente e insurgente na Independência – Memórias do  Correio do Rio de Janeiro e de seu redator, ‘hum tal Lisboa

 Inauguramos a coluna com o lançamento hoje, às 18:00, do livro do colega Nilo Sergio.   Imprensa surgente e insurgente na Independência – Memórias do Correio do Rio de Janeiro e de seu redator, ‘hum tal Lisboa, resgata o papel e a importância do quase desconhecido João Soares Lisboa, editor do primeiro jornal diário publicado no país quando a atividade da imprensa era proibida e combatida no período que antecedeu a Independência do Brasil. Assim como neste ano de 2022 do bicentenário da Independência, em que jornalistas seguem expostos ao arbítrio de assassinos, João Soares Lisboa morreu baleado pelas tropas do Império em 1824.

A noite de autógrafos será na sede da Editora Multifoco, Av. Mem de Sá, 126, Lapa, Centro do Rio.

 Engels para principiantes

Já está em pré-venda Engels para principiantes, livro sobre a vida e obra de Friedrich Engels, o pensador e teórico protagonista de uma das mais belas páginas da história da amizade. Durante 40 anos, Engels e Marx escreveram juntos e compartilharam reflexões sobre o processo revolucionário que pode levar a humanidade a dar fim à exploração do homem pelo homem sob a tutela do capitalismo.

Esse é o terceiro volume da coleção Para Principiantes do especialista, sociólogo, professor aposentado, analista e comentarista internacional, Lejeune Mirhan. De acordo com o autor, “o mais importante desta edição é a síntese dos sete principais livros de Engels, de forma a facilitar a pesquisa dos que se iniciam nos estudos marxistas”.

Engels para Principiantes é o décimo-nono livro de Lejeune, tem prefácio do professor Olival Freire, da Universidade Federal da Bahia (UFBA), e é mais uma publicação da Apparte Editora: www.apparteditora.com.br

Laços de Confiança

As experiências do ex-chanceler Celso Amorim nas relações do Brasil com seus vizinhos da América do Sul estão em Laços de Confiança_ O Brasil na América do Sul, que reúne memórias, anotações, e pesquisa de dados e informações em diferentes fontes. Os personagens dessa história entrelaçada são os ex-presidentes de um então continente progressista, Lula, Kirchner, Chávez, Uribe, Correa e Morales, realçando sutilezas percebidas por observador e participe privilegiado. Na obra, Amorim relembra a criação da   Unasul, a questão do Gasoduto com a Bolívia, e o ataque da Colômbia às FARC no Equador. Livro de memórias que dão saudade, e esperança.

Laços de Confiança será lançado em julho, em noite de autógrafos dia 06, em São Paulo, e dia 22 no Rio de Janeiro, pela Editora Benvirá.

Jumento com Faixa: deboches e antiodes ao fascismo

Trinta e três autores fazem um esboço crítico-poético do nosso tempo e do país nesta antologia de luto e luta pelos mais 660 mil mortos pela Covid-19, e por outras violências políticas desta quadra histórica brasileira. Composto por poemas líricos, de protesto e satíricos, o livro é uma frente de luta poética.

Segundo Zeh Gustavo, um dos organizadores do livro, o objetivo é “dar vez e voz aos que a estupidez e brutalidade não lograrão calar”.O escritor e crítico literário Ricardo Lísias, que assina a orelha, diz que o título não podia ser outro porque, “de fato, entregaram a faixa presidencial para um jumento”. A quarta capa leva a assinatura de Lucélia Santos. De acordo com a atriz e ativista ambienta, “Jumento com Faixa é um livro vigoroso, escrito por muitas mãos poderosas de poetas corajosos e inquietos que propõem uma ruptura com um governão fascista”.

Jumento com faixa: deboches e antiodes ao fascismo é uma publicação da Editora Viés. zehgustavo@yahoo.com.br ( 21  98193-9746)

Segue um provinha de três poemas:

ÀS COMPRAS!

o punho em riste,

o braço ao alto,

o grito rouco de

quem foi golpeado;

na luta contra

o Estado, o povo

há de instaurar

outros hábitos:

tomar os próximos

coquetéis Molotov

das prateleiras

do supermercado!

 [Alexandre Guarnieri]

 POR FAVOR, NÃO EXISTA INSISTA

como é

isso de

poder

entrar desde que não

entre, diz

e olha feito

mas….

se for do caso

sem querer,

entre por

favor

não entre se-

quer saber?

entre

desde que não entre

com isso

sabe

como é

[Letícia Becker Savastano]

VÍRUS-VERME

Queima, queima tudo.

Plantinha?

Coisa de vagabundo!

Corta, corta tudo.

Cultura? Ensino? Pesquisa?

Coisa de vagabundo!

Mata, mata tudo.

Vida?

Coisa de vagabundo!

[Zeh Gustavo]

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012