Delegação da ABI é recebida na Academia Brasileira de Letras


24/07/2014


Cícero Sandroni, Domingos Meirelles e Arnaldo Niskie (Foto: Raul Azêdo)

Cícero Sandroni, Domingos Meirelles e Arnaldo Niskie (Foto: Raul Azêdo)

Representantes da Associação Brasileira de Imprensa (ABI) foram recebidos nesta terça-feira, 22 de julho, no Petit Trianon, sede da Academia Brasileira de Letras (ABL), no Centro do Rio, em uma reunião para debater projetos de reaproximação entre as duas entidades. O Diretor Econômico-Financeiro da ABI, Domingos Meirelles; o Conselheiro Arcírio Gouvêa e o Assessor da Presidência da entidade Raul Azêdo abordaram, entre outras pautas, a criação de um Fórum Representativo da Sociedade Civil.

A ideia do Fórum seria a de reunir entidades da sociedade civil, além de autarquias e instituições governamentais, sediadas no Rio de Janeiro, para discutir soluções conjuntas relativas aos problemas da cidade. Participaram dos encontros os imortais Arnaldo Niskier, Murilo Melo Filho, Cícero Sandroni, Marcos Vinícios Vilaça, Domício Proença Filho, além do assessor da ABL Antônio Carlos Austregésilo de Athayde.

Na ocasião, os acadêmicos foram informados ainda sobre os projetos de modernização da ABI. Cícero Sandroni, que também é conselheiro da Casa do Jornalista, manifestou seu apoio à instituição do voto eletrônico nas próximas eleições. “Acredito que a ABI está no caminho certo ao lançar mão deste recurso. Trata-se de um salto para o futuro, um novo rumo para esta entidade com valor histórico”, disse Sandroni.

Domingos Meirelles, Marcos Vilaça e Murilo Mello Filho (Foto: Raul Azêdo)

Domingos Meirelles, Marcos Vilaça e Murilo Mello Filho (Foto: Raul Azêdo)

O jornalista e escritor Arnaldo Niskier, ocupante da cadeira nº 18 da ABL, reiterou o apoio da Academia. “Acredito que a ABI, uma das mais importantes e representativas instituições desse País, esteja hoje se reerguindo. O Jornal da ABI, antes um boletim inexpressivo, é agora uma das melhores e mais influentes publicações editadas no eixo Rio-São Paulo. A entidade está recuperando seu prestígio de outrora”, defende.

Durante o encontro, Domingos Meirelles presenteou à ABL com dois exemplares de seus livros “As Noites das Grandes Fogueiras: Uma História da Coluna Prestes”, Prêmio Jabuti de Melhor Reportagem de 1996, e “1930: os Órfãos da Revolução”, que lhe rendeu o segundo Prêmio Jabuti na categoria Ciência Humanas, de 2006.

Marcos Vinicios agradeceu a doação: “Não conhecia diversas passagens mirabolantes contadas por Domingos em ‘As Noites das Grandes Fogueiras’, principalmente às relacionadas ao trem da Coluna Prestes. É um verdadeiro roteiro cinematográfico. E mostra como é rica e encantadora a história desse País, desconhecida de seu povo”.

​Austregésilo de Athayde (Foto: Raul Azêdo)

​Austregésilo de Athayde (Foto: Raul Azêdo)

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012