2 de dezembro de 2022


Funcionários do
Correio Braziliense
anunciam greve


19/03/2018


Os Jornalistas do Correio Braziliense, dos Diários Associados, estão em estado de greve após os constantes atrasos de salários, benefícios e FGTS. Sem reposta da diretoria sobre a regularização da situação, os profissionais de redação promoveram manifestação nesta semana e decidiram pelo estado de greve. O prazo de resposta para a empresa é na terça-feira, 20, caso contrário, os comunicadores poderão optar pela paralisação.

De acordo com o Portal Comunique-se, 80% da redação do Correio Braziliense aderiram ao movimento de estado de greve. Os profissionais reivindicam que até o dia 20 de março sejam realizados o pagamento de 100% dos freelas, quitação do vale refeição (os jornalistas contratados receberam o VR de fevereiro em 14 de março e não há previsão para depósito do valor deste mês) e metade do valor de PLR que ainda precisa ser quitado.

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do DF (SJPDF) está acompanhando a situação do Correio Braziliense e cobra da empresa o calendário de pagamento. A entidade explica melhor a questão do FGTS, que está há mais de três anos em atraso. Existe um processo coletivo na justiça para resolver a questão. Sendo assim, o veículo de comunicação tem a opção de resolver os outros pontos (salário, benefícios e PLR) e evitar a possível greve da próxima semana.

 

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012