CADE aprova venda
do grupo Abril


09/01/2019


O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), vinculado ao Ministério da Justiça, aprovou nesta terça-feira (8) a venda do Grupo Abril à Cavalry, pertencente ao empresário Fábio Carvalho.

A venda do grupo, por R$ 100 mil, foi anunciada em dezembro do ano passado.

Fundado em São Paulo em 1950 por Victor Civita, o Grupo Abril acumula dívida que soma R$ 1,6 bilhão e pediu recuperação judicial em agosto do ano passado.

O pedido é um mecanismo previsto em lei para tentar reequilibrar as contas da empresa.

Com a aprovação da venda do grupo pelo Cade, o empresário Fábio Carvalho passará a ser o único controlador do grupo que pertenceu à família Civita por 68 anos.

Decisão do Cade

A operação foi aprovada pela Superintendência-Geral do Cade e não precisará passar pelo plenário do órgão.

A avaliação da superintendência é que a operação não causa prejuízos à concorrência, ao mercado no qual o Grupo Abril opera nem ao mercado no qual o empresário Fábio Carvalho atua.

Segundo o Cade, a Abril opera na venda de revistas, livros e publicações, e o empresário, na prestação de serviços de apoio marítimo ao setor de óleo e gás, no comércio varejista de produtos de moda, e no mercado de utilidades para o lar, decoração, brinquedos e acessórios.

Perfil

Advogado, Carvalho é especializado em comprar empresas em crise financeira e, assim, fazer amplas reestruturações.

Entre os investimentos do empresário, há participação em empresas de vários setores que, juntas, têm faturamento anual acima de R$ 4 bilhões e empregam mais de 46 mil pessoas.

Fonte: G1

ASSOCIADO:

NÃO DEPOSITE EM CONTA DA ABI.

DEPÓSITO EM CONTA  NÃO É IDENTIFICADO.

PAGUE COM O BOLETO OU NA TESOURARIA.