Arquivo Nacional promove seminário sobre 50 anos do golpe de 64 e a democracia


Por Cláudia Souza*

13/05/2014


 

Banner_portal_memo_reveladas_5_anos

O Arquivo Nacional promove, de 12 a 16 de maio, a partir das 10h, o seminário “Ditadura e Transição Democrática – 5 anos do Memórias Reveladas nos 50 anos do golpe de 1964”, com ciclo de debates, exposição e mostra de filmes, lembrando o cinquentenário da ditadura militar e a implantação do Centro de Referência Memórias Reveladas.

O evento é aberto ao público e reúne especialistas de todo o país para avaliar os avanços na consolidação da democracia brasileira, a promoção do acesso à informação e dos direitos humanos e a atuação da Comissão Nacional da Verdade.

A programação inclui a reedição da exposição “Registros de uma Guerra Surda”, debates e exibição de documentários como ‘ABC da greve’, ‘O dia que durou 21 anos’ e ‘Instantâneos da Realidade’, além do curta-metragem inédito ‘1964 em perspectiva’, produzido a partir do acervo do Arquivo Nacional.

Participarão do evento, representantes do Arquivo Nacional; da Comissão Nacional da Verdade; da Secretaria Nacional de Justiça e Comissão de Anistia; da Comissão Estadual da Verdade/RJ; da Secretaria Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos; da Comissão de Altos Estudos do Memórias Reveladas; Secretaria de Direitos Humanos/PR; Memorial da Resistência/SP; Grupo Tortura Nunca Mais/SP; Rádio Nacional; Colégio Pedro II; Secretaria da Educação do Estado da Bahia – SEC/BA; e, das universidades UFRJ, UFF, Unesp e USP.

Ditadura e Transição Democrática

No cinquentenário do golpe de Estado que destituiu o presidente João Goulart, o Seminário ‘Ditadura e Transição Democrática – 5 anos do Memórias Reveladas nos 50 anos do golpe de 1964′ colocará em perspectiva a criação do Centro de Referência das Lutas Políticas no Brasil (1964-1985) Memórias Reveladas e a instalação da Comissão Nacional da Verdade, bem como a promulgação da Lei de Acesso a Informações, iniciativas compreendidas como de grande importância para o exame e reparação do sombrio legado da ditadura estabelecida em 1964.

Diante do 50° aniversário do golpe, e passados 5 anos da criação do Memórias Reveladas, cabe avaliar os avanços atingidos pelas referidas iniciativas na consolidação da democracia brasileira, em particular no que se refere ao acesso a informações produzidas pelo Estado e à promoção dos direitos humanos. O balanço não se completaria, entretanto, desacompanhado da reflexão sobre os anos de autoritarismo político, cuja compreensão aprofundada se faz indispensável para observar de forma crítica o processo de transição democrática ainda em curso no país, discernindo seus sucessos e obstáculos.

A partir de uma perspectiva multidisciplinar, portanto, e sem perder de vista a preservação e divulgação das fontes documentais enquanto requisito para a promoção da democracia, o evento reunirá acadêmicos e profissionais que atuem no campo dos direitos humanos, promovendo debates sobre os temas levantados. O encontro aproximará o público, assim, de algumas das principais medidas, criadas no atual Estado democrático, para a revisão do passado recente do país, bem como das questões que mais perto lhes tocam.

O Seminário contará, ainda, com a exibição de documentários que revisitam de forma crítica a recente ditadura brasileira, ilustrando, ao mesmo tempo, a importância da documentação audiovisual para o melhor entendimento do passado e o resgate da memória.

Promovido pelo Arquivo Nacional, e aberto ao público geral, o evento é de especial interesse para profissionais e estudantes das ciências humanas, sobretudo aqueles que desenvolvem trabalhos relacionados à memória e aos Direitos Humanos.

As inscrições serão gratuitas e realizadas no local do evento, obedecendo a ordem de chegada até o limite da capacidade do auditório (150 pessoas). Serão emitidos certificados, os quais serão entregues no último dia do evento. Mais informações no site www.an.gov.br/memoriasreveladas5anos.

 *Com informações do Arquivo Nacional

 

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012