12 de agosto de 2022


Anos JK, Moro, Paulo Freire e Martinho da Vila, aqui


05/02/2021


Leiam o artigo da Ruth de Aquino nesta sexta-feira, 5, em O Globo: : A saia de Kátia (Abreu) e a coleira de Luma (de Oliveira). Procurem na internet; vale a pena ler. Mas vamos ao final de semana.

O 23º Encontro Aberto dos Estados Gerais da Cultura, movimento encabeçado pelo cineasta Sílvio Tendler, fala de Monteiro Lobato neste fim de semana. The crownO gambito da Rainha e The Undoing estão entre as séries candidatas ao Globo de Ouro que acontece no fim do mês. Sérgio Moro: a construção de um juiz acima da lei uma série que vai ao ar na segunda-feira, dia 8, é um projeto de jornalismo independente realizado pelo jornalista Luis Nassif. Na 11ª edição do My French Film Festival há dezenas de filmes para você ver,  e Bacurau será indicado ao Oscar como filme internacional. Mas há outros filmes para diversão do final de semana, além de um festival de dança acrobática que é melhor só ver e não imitar: olha a coluna!

Os livros de Nelson Rodrigues estão sendo reeditados e também chegou às livrarias o do trineto de Eça de Queiroz. Na Flisamba, o homenageado é Martinho da Vila e o show grátis de Alfredo del Penho vale a pena assistir. Já o Simprosamba analisa Paulo Freire.

Dê uma espiada nas peças teatrais on line; há peça para deficientes auditivos. E para quem quiser arriscar uma ida ao teatro (eu não vou!) pode assistir ao musical sobre Carmen Miranda, no CCBB. Boa semana com máscara, álcool gel e, se puder, fique em casa, aguardando a vacina.

ENCONTROS

 DOMINGO – 7/2

17hs – No 23º Encontro Aberto dos Estados Gerais da Cultura três escritoras de literatura infanto-juvenil falarão sobre o legado e as polêmicas envolvendo a obra e a vida de Monteiro Lobato, um dos mais importantes ícones da literatura infantil e suas controvérsias em relação ao racismo e ao espírito da época. Sônia Travassos é Doutora em Educação, especialista em Literatura Infantil e Juvenil, contadora de histórias e escritora de livros para crianças. Cristina Vilaça é escritora, mestra em literatura brasileira, infantil e juvenil e Antonella Catinari é escritora, professora, mestra em Literatura Comparada e especialista na obra do escritor. O 23° encontro dos Estados Gerais da Cultura terá convidados, música de Patrícia Quinteiro, uma Pensata para reflexão lida por Eduardo Tornaghi, além de apresentação de Silvio Tendler, com mediação de Janine Malanski.

ENTREVISTAS

8/2  – CONVERSA COM BIAL  (após o Jornal da Globo)– volta do programa da TV Globo com Pedro Bial que terá entre seus convidados este ano o cineasta Woody Allen, 85 anos. O nova-iorquino acabou de lançar sua autobiografia. Bial já conversou com Barack Obama, o ator William Dafoe e a atriz e ex- primeira dama da França, Carla Bruni. As entrevistas estão na Globoplay

SÉRIES 

Algumas séries de televisão foram indicadas para o Globo de Ouro que acontecerá de forma virtual no dia 28 de fevereiro quando a atriz Jane Fonda será contemplada com o Prêmio Cecil B. DeMille pelo conjunto da obra.

Série de drama: The Crown (6 indicações, Netflix), The Mandalorian (Disney+), Ozark(Netflix), Ratched (Netflix), Lovecraft country(HBO); Série de Comédia: Emily in Paris (Netflix), Schitt’s Creek (Now), The flight attendant (HBO Max), The great (Prime video), Ted Lasso (Apple Tv +Minissérie ou telefilme: Normal People (Prime vídeo), O gambito da Rainha (Netflix), Smal axe (Amazon Prime vídeo), The undoingHBO, quatro indicações), Nada ortodoxa (Netflix).

Houve reclamações porque Bridgerton (Netflix) e The Boys (Amazon original) não foram indicadas (e são ótimas).

Outras séries

21 hs – YouTube: a GGN lança o documentário Sérgio Moro: a construção de um juiz acima da lei na segunda-feira, dia 8, um projeto de jornalismo independente realizado por Luis Nassif e a rdação do GGN em parcelo com o repórter Marcelo Auler. Os jornalistas participarão de uma live às 20 hs para discutir a obra com os inscritos (www.youtube.com/tvggn) . O documentário registra uma série de violações a direito e garantias constitucionais que acompanharam Sergio Moro ao longo de sua trajetória na magistratura. Ao longo de 74 minutos, o vídeo expõe alguns dos métodos heterodoxos usados pelo ex-juiz, a partir do depoimento de personagens que acompanharam os casos escabrosos bem de perto.A imparcialidade de Moro foi colocada em xeque e virou assunto de interesse público em função dos julgamentos do ex-presidente Lula. Fruto de financiamento coletivo, o documentário tem a partcipação de diversos jornalistas, advogados e escritores.

FOX – Impuros já tem uma quarta temporada. No Rio, anos 1990, em um território conflagrado por problemas sociais e onde a oportunidade do crime é muito tentadora, Evandro enfrenta as complexidades do mundo do tráfico e a relação complicada com a própria mãe.

Netflix 

Cidade Invisível: a partir de hoje. A live-action folclórica de Carlos Saldanha (“Rio”) é uma das grandes estreias nacionais com Marco Pigossi e Alessandra Negrini no elenco. Na trama, um fiscal ambiental tenta descobrir as ligações entre a morte da esposa e o aparecimento de um boto cor-de-rosa na praia.

Amigas para sempre: Katherine Heigl (Tully) e Sarah Chalke (Kate) são as estrelas da dramédia inspirada no romance homônimo de Kristin Hannah. As duas começam uma amizade improvável na adolescência, nos anos 1970, mas uma traição e uma tragédia podem mudar suas vidas para sempre.

Arsenal de espiões – em oito episódios são detalhadas operações secretas importantes sempre com foco nos equipamentos usados pelos agentes (James Bond usa vários deles) em capítulos de meia hora.A série revela que todos os embaixadores americanos na antiga URSS foram rastreados pela KGB.Nos anos 1979, os EUA construíram um prédio novo para sua embaixada em Moscou  e tiveram que demolir três andares, tal o número de escutas achadas nas paredes, instaladas pelos operários da obra.

Amazon Prime video – The americans: dois espies da KGB se fazem passar por um casal americano vivendo no subúrbio de Washington. Eles têm como missão conrolar a rede de informações entre os espiões que operam no país.

Fox e Globoplay – Homelandum soldado Americano desaparecido é recebido como herói quando regressa depois de passar oito anos em cativeiro no Iraque. Mas, uma analista da CIA suspeita da história e acredita que ele possa ser um enviado pelos terroristas para atacar os EUA.

Globoplay

Sinta-se na casa são programetes lançados pelo Globoplay e estrelados por Marcelo Adnet. Ele comenta o Big Brother, fazendo ótimas imitações, com humor instantâneo. Muito bom.

L.A’s finest: unidas contra o crime desde terça-feira no ar. As atrizes Gabrielle Union (no papel da agente Syd Burnett) e Jessica Alba (como Nancy McKenna) estão de volta às ruas de Los Angeles para lutar contra o tráfico de drogas nesta segunda e última temporada com 13 episódios. A série é um spin-off da trilogia cinematográfica de sucesso “Bad boys”.

Tv Globo – Arcanjo renegado: desde ontem na telinha a série policial com Érika Januza como Sarah, mocinha forte e cheia de atitude. Seu marido, Rafael (Alex Nader), foi assassinado e era braço direito de seu irmão, o sargento do Bope, Mikhael (Marcelo Mello Jr), protagonista da produção, e que entra numa saga de vingança enquanto ela fica sozinha para cuidar de uma criança com uma doença rara.

Disney+ – Os eleitos a partir de hoje. Retrata a corrida espacial da Guerra Fria com a história dos primeiros astronautas americanos, conhecidos como os “Sete Originais”. Patrick J. Adams é uma das estrelas da produção e famoso pela série Suits.

FILMES

11ª edição do My French Film Festival – até 15 de fevereiro as plataformas de streaming Belas Artes à la carte, Supo Mungam Plus e SP Cine Play disponibilizam gratuitamente as 29 produções do festival, entre longas e curtas da França. No catálogo, documentários, dramas, drama, comédias, aventuras, filmes de mistério, infantis e enredos adolescentes divididos em mostras. Alguns dos filmes: Camille – Nina Meurisse foi indicada ao prêmio Cesar (o Oscar francês) de atriz revelação do longa de 2019, dirigido por Boris Lojkine. Uma fotojornalista vai à República Centro-Africana cobrir uma iminente guerra civil e se apaixona pelo país. Está na Mostra “,true heroines” sobre mulheres impressionantes. Na mostra “Crazy Loving Families”, sobre situação familiares fica Enorme que a história de uma casal na faixa dos 40 sobre ter ou não filhos

3ª feira, 9/2

Às 18 hs terá início o filme Os anos JK(1980) e participe, em seguida, no Cineclube Macunaíma da ABI do debate, às 20h25,  sobre o documentário de Sílvio Tendler , abordando Juscelino Kubitschek e a história  do Brasil entre 1940 e 1970. Mostra a trajetória política do presidente bossa nova, sua eleição, o nascimento de Brasília, o polêmico sucessor Jânio Quadros, a crise política, o golpe militar e a cassação dos seus direitos políticos. Popular entre os artistas, JK propôs a aceleração do desenvolvimento do país rumo à modernidade e a ocupação de um lugar entre as potências mundiais. Lançado em plena ditadura militar, Os anos JK foi a terceira maior bilheteria da história para um documentário brasileiro na época, sendo visto por mais de 800 mil pessoas. Esta produção de Silvio Tendler ganhou vários prêmios. Com 110 minutos, tem narração de Othon Bastos e música de Caíque Botkay. No filme, aparecem Tancredo Noves, Renato Archer, Magalhães Pinto e Henrique Lott. O longa tem duração de 110 minutos e estará no canal da Associação Brasileira de Imprensa do YouTube,  às 18hs. Do debate participam o diretor e cineasta Sílvio Tendler; o economista e um dos criadores do MST (Movimento dos sem terra), João Pedro Stédile; a pesquisadora e historiadora Isabel Lustosa; o jornalista Claudio Bojunga, autor do livro JK, o artista do impossível; e Ricardo Cota (mediador).Depois da exibição, o filme ficará liberado no canal até a terça-feira seguinte.

Bacurau –  apontado como um dos melhores filmes de 2020 pelo NYT e pela revista Vanity Fair, o filme já está oficialmente na disputa por uma indicação a todas as categorias do Oscar 2021, exceto a de melhor filme internacional – no ano passado foi preterido pela comissão responsável por definir o indicado brasileiro ao prêmio. A produção ganhou o prêmio do júri do Festival de Cannes, em 2019, além de outros prêmios em festivais internacionais. No NOW.

Filmes com inverno e neve para abrandar o calor:

O amor não tira férias – Prime Video. Comédia romântica com Cameron Diaz que se muda de Los Angeles para uma cidade nevada na Inglaterra e com um amor, Jude Law. Kate Winslet faz o caminho inverso, trocando a casa com Cameron por algumas semanas e se apaixona por Jack  Black.

NETFLIX

Esqueceram de mim 2 – o segundo filme do clássico dos anos 1990 mostra Macaulay Culkin sozinho em NY no Natal, inverno no Hemisfério Norte. Dá para ver os pontos turísticos da cidade como o Central Park coberto de neve.

Bravura indômita (1968) – o faroeste dos irmãos Cohen é com Jeff Bridges e HaileeSteinfeld. O filme conta a história de Mattie, que busca vingança pela morte do pai. O suspense passa pelas belas  e geladas montanhas nevadas do Meio Oeste americano.

Escorregando para a glória – comédia com Will Ferrer e Jon Heder, dois patinadores de gelo que, depois de desavenças, resolvem competir como uma dupla.

Crepúsculo – a saga do sucesso adolescente com Kristen Stewart e Robert Pattinson e Taylor Lautner e que conta a história da menina que se apaixona por um vampiro e um lobo. Filmado no Oregon e se passa em locais repletos de gelo.

Jamaica abaixo de zero  (1993) – Disney Plus. Estrelado por John Candy conta a história real do time de bobsled jamaicano que competiu nos Jogos de Inverno de 1988, no Canadá. O país caribenho formou o time totalmente negro da história do esporte.

Interstellar – Globoplay. Trama apocalíptica do diretor Christopher Nolan e estrelada por Anne Hathaway e Mathew McConaughey, o frio é consequência das atividades humanas irresponsáveis desenfreadas, quando as reservas naturais da Terra estão chegando ao fim e o planeta está tomado pelo caos.

DANÇA

20 hs – Festival de Dança Acrobática – até 10 de março com coreografias inéditas disponibilizadas para o público por acesso gratuito por meio do Zoom ( o link é disponibilizado ao público no Instagram, no perfil @interacoesacrobaticas). São 12 profissionais cariocas, baianos e paulistas que, dentro de suas próprias casas, mostram movimentos de hip hop, capoeira, voguing e o parkour. O festival oferecerá 12 oficinas gratuitas de dança acrobática.

LIVROS

Asfalto Selvagem: seus amores e seus pecados : )- Nelson Rodrigues (1959/ Harper Collins, R$ 59,90) – onde está uma das personagens mais polêmicas do autor, a Engraçadinha, jovem que corrompe o meio familiar ao seduzir seu meio-irmão. O mais famoso dos folhetins do autor. Crítica à hipocrisia, o desejo proibido, as perversões e ações amorais escondidas sob a capa do conservadorismo. O livro volta às livrarias este mês pela editora Harper-Collins que reeditará todos os dez romances de Nelson originalmente em capítulos em periódicos como O Jornal e Última Hora entre as décadas de 1940 e 1960. Chegam também às estantes Meu destino é pecar (o primeiro assinado como Suzana Flag, em 1944); A mentira (1953), o primeiro assinado com seu próprio nome ; e O casamento (1966), único romance do autor, encomendado por Carlos Lacerda para a abertura da Nova Fronteira, sendo censurado pela ditadura e liberado no ano seguindo; foi adaptado para o cinema por Arnaldo Jabor.

Leopardo negro, lobo vermelho (Intrínseca, R$99,90) – Marlon James. Depois de ganhar o prêmio Man Booker Prize sobre a tentativa de assassinato de Bob Marley (Breve história), o autor se debruçou sobre suas origens africanas, nas mitologias e filosofias do continente de seus antepassados. Marlon, 50 anos, nasceu e foi criado na Jamaica e lançou este mês o primeiro volume de uma trilogia que denominou Game of Thrones africano. No livro, que tem o título de Leopardo negro, lobo vermelho, quem narra a história é o Rastreador, mercenário capaz de identificar venenos e inimigos pelo cheiro e que atravessa cidades e florestas africanas à procura de um menino, herdeiro de um império.

Cidadã: uma lírica americana – livro de Claudia Rankine (Jabuticaba, R$50) de 2014: a poeta e ensaísta lista pequenos episódios de racismo cotidiano para falar do papel da supremacia branca na formação da democracia dos EUA e afirma que há desprezo pela vida negra naquele país. Quase ao final do livro, lançado no Brasil em dezembro passado, há duas páginas em que a expressão “em memória” é repetida antes dos nomes de 30 homens e mulheres negros mortos pela polícia. Entre eles, já está George Floyd, homem negro estrangulado por policial branco em 25 de maio de 2020, em Minneapolis, no Meio-Oeste americano, e cujo assassinato serviu de estopim para uma explosão de protestos antirracistas pelo mundo. Ela acredita que em seis anos acrescentou uns dez nomes ao livro e diz que esses assassinatos não pararam de acontecer após a conquista dos direitos civis (anos 1960). Acrescenta que  a violência policial é parte da vida dos pretos e dos pardos nos EUA. Qualquer semelhança…

Pão de Açúcar – Afonso Reis Cabral (Harper Collins, R$49,90). É o segundo romance do escritor de 30 anos, trineto de Eça de Queiroz, mas suas principais influências são John Steinbeck, Tolstói e Proust. O escritor tenta descobrir a humanidade dos marginalizados. O livro é a investigação literária de um crime real: o assassinato de Gisberta Salce, travesti brasileira morta por um grupo de 14 adolescentes depois de dias de tortura num supermercado (Pão de Açúcar) abandonado no Porto, em fevereiro de 2006. Houve protestos e surgiram leis de proteção aos transexuais e Gisberta se tornou símbolo da comunidade LGBT+.

EXPOSIÇÃO

Alphonse Mucha – um tour virtual da retrospectiva do artista tcheco (1860- 1939), em cartaz no CCBB-Rio (3808-2020) até 28 de fevereiro, está disponível no site (www.bb.com.br/cultura). A exposição Alphonse Mucha:o legado da art nouveau  reúne 100 obras do artista, entre cartazes publicitários, fotografias, desenhos e pinturas. O acesso para a mostra on-line fica no ar poor tempo indeterminado.

MÚSICA

CHEGA DE SAUDADE – uma pedra preciosa da MPB está disponível no canal Esqueleto Lavrador (youtube.com/esqueletolavrador)  para audição gratuita. É um especial da TV Tupi que reuniu em São Paulo, em agosto de 1971, João Gilberto, Caetano Veloso e Gal Costa, interpretando 22 canções ao vivo e marca a volta de Caetano Veloso ao Brasil depois do exílio em Londres. Há um número de Gal com João Gilberto ao violão em que eles interpretam Ao voltar do samba, de Synval Silva de 1934, seguido de Falsa Baiana, Meditação e Baby. Os três – Gal, João e Caetano cantam juntos Você já foi à Bahia? E Saudade da Bahia, ambas de Dorival Caymmi e Coração Vagabundo de Caetano. João faz sessões solo de Desafinado, Chega de Saudade e Retrato em preto e branco e Caetano , de Asa Branca Na asa do vento, Fruta gigoia, A tua presença morena. É um especial televisivo de 1h30. Há ainda outra raridade de João Gilberto: uma gravação do samba-enredo da Mangueira de 1986, Caymmi mostra ao mundo o que a Bahia e a Mangueira têm, que ele cantou em um show na França em 1989.

ZÉLIA DUNCAN – a cantora fez um minidocumentário  com imagens de bastidores  da gravação de seu novo disco em parceria com o músico Pedro Franco, Minha voz fica, onde els interpretam músicas de Alzira e. O disco será lançado hoje nas plataformas digitais e marca o início dass comemorações dos 40 anos de Zélia. Com direção de Marcio Debellian. O link está nas redes sociais da cantora (@zeliaduncan). Beijos longos, primeiro single do álbum, já está nas plataformas digitais.

Medicine at midnight (Remédio À meia-noite) – faixa-título do novo álbum da banda americana Foo Fighters (expressão inglesa, significando “bolas de fogo”), que chega ao streaming hoje.

SHOWS E LIVE

SEXTA, 5

17 hs – SIM PRO SAMBA: o Samba dxs Professorxs- 100 anos de Paulo Freire  – que foi contemplado com a Lei Aldir Blanc através de Prêmios e Projetos de Fomento  a Todas as Artes terá início com um debate sobre o Patrono da Educação. Após,  haverá uma batalha de poesia (Slam) denunciando o racismo, a lgbtfobia, o feminicídeo, o abandono da educação e outras mazelas de nossa sociedade. 18h30 –  começa a roda de samba dos professores  com o grupo Nabêra e a participação especial do chargista e multiartista Vitor Vanes que fará durante a roda uma charge bem atual do tempo em que vivemos. Todo o evento será transmitido on line pelo Canal Sim Pro Samba no YouTube. Os produtores pedem para que todos se inscrevam, no canal e dêem os likes. É gratuito!

21 hs – 9ª edição do Festival Levada:  hoje é o encerramento com show do coletivo formado por Lucas Nunes, Dora Morelenbaum, Zé Ibarra e Júlia Mestre. O festival oferece oportunidade para talentos em ascenção. No YouTube.

21h30 – Festival Porto Musical – encerra o evento o Maracatu Estrela Dourada, de Buenos Aires, município com  cerca de 13 mil habitantes  na Mata Norte pernambucana, e que faz da internet sua avenida pela primeira vez. A agremiação foi a campeã do último concurso de carnaval de Recife. O festival  bienal veio virtual este ano devido à pandemia e é voltado para profissionais da música, ocupando ruas e espaços de Recife com debates workshops sobre o mercado, além de shows de importantes atrações regionais . O acesso é gratuito por meio da Sympla (/finaprodução).

21h30  OTÁVIO MÜLLERno monólogo Questão de Falha  que o ator apresenta ao público pela primeira vez o carioca põe em questionamento as atitudes machistas, seguido de bate-papo com os espectadores virtuais por meio do Sympla, cm ingressos a partir de R$20.

21h30  OTÁVIO MÜLLERno monólogo Questão de Falha  que o ator apresenta ao público pela primeira vez o carioca põe em questionamento as atitudes machistas, seguido de bate-papo com os espectadores virtuais por meio do Sympla, cm ingressos a partir de R$20.

22h30 – TV Globo – Globo Repórter: o programa retorna  para uma nova temporada, com a repórter Fernanda Graell mostrando o Parque Nacional da Tijuca e o Cristo Redentor que completa 90 anos em 2021.

SÁBADO, 6

20hs – Tributos –  Alfredo Del-Penho se apresenta hoje na série interpretando composições de Vinicius de Moraes. A live é gratuita transmitida do palco do Teatro Prudential. O repertório também  fica disponível no YouTube (/teatroprudential). A série Tributos termina hoje.

21h30  OTÁVIO MÜLLERno monólogo Questão de Falha  que o ator apresenta ao público pela primeira vez o carioca põe em questionamento as atitudes machistas, seguido de bate-papo com os espectadores virtuais por meio do Sympla, cm ingressos a partir de R$20.

DOMINGO, 7

19 hs – OTÁVIO MÜLLERno monólogo Questão de Falha  que o ator apresenta ao público pela primeira vez o carioca põe em questionamento as atitudes machistas, seguido de bate-papo com os espectadores virtuais por meio do Sympla, cm ingressos a partir de R$20. Também haverá outras apresentações nos dias 19 e 20 de fevereiro.

SEGUNDA, 8

17 hs às 22hs – a 4ª edição da FLISAMBA, a Festa Literária do Samba e Resistência Cultural  acontece de hoje até quarta-feira e faz um tributo especial a MARTINHO DA VILA, celebrando a trajetória do músico, escritor, cantor, compositor, além de comemorar seu aniversário de 82 anos e o Carnaval . Com a apresentação de Lica Oliveira e Rodrigo França , a programação abre espaço para muito samba, literatura, gastronomia e cinema, em três dias de live. Grandes nomes serão homenageados como Helena Theodoro e  as damas do samba as tias Surica e Gessy e do inesquecível sambista do Salgueiro Djalma Sabiá. A festa traz também o lançamento do livro de Altay Veloso e Xandra Lia. Um dos pontos altos, é a estreia do show CANTO DO URUBU, uma homenagem ao Clube do Flamengo. Tudo isso numa feira virtual repleta de autores expondo seus livros como Conceição Evaristo , Ele Semog e Nelsn Maca Além de shows exclusivos e entrevistas que valorizam a diversidade da cultura negra. Haverá  também o Seminário  “Axé e Carnaval – O samba no combate  à intolerância religiosa”, evento realizado em outubro do ano retrasado. Local: YouTube  do Cultne – https://www.youtube.com/channel/UCj KjDObztwIrsK16xODswIQ.

TEATRO

SEXTA, 5/ GRÁTIS

PRESENCIAL

Carmen, a grande pequena notável –  com o musical sobre nossa bombshell Carmen Miranda foi reaberto, ontem, o Teatro II do CCBB (Rua Primeiro de Março, 66 – Centro – 3808-2020). A peça inspirada no  livro infanto-juvenil de Heloísa Seixas e Julia Romeu, o espetáculo repassa a trajetória de Carmen em linguagem  para públicos de todas as idades. Em pouco mais de uma hora, são descortinados os quase 50 anos de vida da cantora, dançarina e atriz portuguesa de nascença, carioca de adoção e que fez fama nos EUA.  Amanda Acosta interpreta Carmen e são 70 trocas dde roupas para mostrar da infância  aos estrelato de Carman, passando pela depressão e dependência de remédios até sua morte. São interpretados 26 sucessos e entre eles, O que é que a baiana tem?, Rebola, bola e Disseram que voltei americanizada. Ruy Castro, escritor do livro Carmen, também fez contribuições à peça. PRESENCIAL. Quintas e sextas-feiras, às 18 hs; Sábados e domingos às 16 hs. Até 28 de março. R$ 30 (vendas apenas on-line, por meio do site eventim.com.br. Livre.

VIRTUAL

12, 13, 14 e 15hs –  Pausa para Cena – Festival Libras na Tela –  até 10 de fevereiro, a mostra de teatro on-line exibe criações  especialmente pensadas para a internet. Ao todo, são 27 dramaturgias  levadas à cena , idealizadas por artistas mulheres, como Verônica Bonfim, Carolina Ferman e Juliana França. As apresentações têm acessibilidade para pessoas com deficiência auditiva, com traduções simultâneas para Libras – os intérpretes participam ativamente das histórias. Diariamente são encenados quatro espetáculos e o evento é gratuito, com transmissão ao vivo pelo Instagram (no perfil@pausaparacena).

21 hs – Dois (mundos) : termina hoje o espetáculo que a Companhia Teatral Complexo Duplo encena no ZOOM. O primeiro ato da peça é baseado nas músicas do lado A do álbum Dois, da Legião Urbana, lançado em 1986, época de ouro do rock brasileiro e trazia faixa como Eduardo e Mônica que logo se transformou em hit.O coletivo também já disponibilizou  no YouTube um episódio desse primeiro ato, em torno da música Daniel na cova dos leões. Para assistir, basta acessar o link https://cutt.ly/ekee77v.

 

📺 Agenda Cultural na TV
📆 Sexta-feira 05/02/2021
💉 VACINA JÁ PARA TODOS !!!!!!

13:00: Canal Megapix (652): “A Teoria de Tudo”, drama, (Baseado na biografia de Stephen Hawking, o filme mostra as importantes descobertas do astrofísico. Além de retratar seu relacionamento com a esposa Jane e os desafios de viver com uma doença degenerativa.); Elenco: Eddie Redmayne, Felicity Jones, Tom Prior; Direção: James Marsh, 2014, USA/JPN/GBR;

13:45: Canal Telecine Cult (666): “Um Homem Com Uma Câmera”, diversos, (O documentário mostra a movimentação ao longo do dia de uma grande cidade soviética dos anos 1920. Em sua obra máxima, o pioneiro Dziga Vertov usa a montagem para ressignificar o registro da “verdade”.); Elenco: Mikhail Kaufman, Elizaveta Svilova; Direção: Dziga Bertov, 1929, RUS;

15:00: Canal Telecine Cult (666): “ O Poderoso Chefão – Parte III”, drama, (Agora com 60 anos, Michael Corleone deseja libertar sua família do crime e encontrar um sucessor adequado.); Elenco: Al Pacino, Andy Garcia, Diane Keaton; Direção: Francis Ford Coppola, 1990, USA;

17:30: Canal Brasil (650): “Garrincha – Alegria do Povo”, diversos, (Os dribles de Mané Garrincha são o foco do documentário sobre o mais famoso ponta-direita do futebol brasileiro. Rodado no auge de sua carreira, o filme registra imagens da família e da cidade onde o craque nasceu.); Elenco: Heron Domingues, Garrincha; Direção: Joaquim Pedro de Andrade, 1962, BRA;

17:55: Canal Telecine Pipoca (665): “Yesterday”, comédia, (Após sofrer um acidente, um cantor-compositor (Himesh Patel) acorda numa estranha realidade, onde ele é a única pessoa que lembra dos Beatles.); Elenco: Himesh Patel, Alexander Arnold, Ana De Armas, Ed Sheeran, Kate McKinnon, Lily James ; Direção: Danny Boyle, 2019, JPN/GBR/RUS;

18:00: Canal Film & Arts (648): “O Crime da Gávea”, drama, (Ao chegar em casa, Paulo encontra sua esposa morta. A polícia começa a investigação do caso, ao mesmo tempo que Paulo busca o assassino por conta própria.); Elenco: Ricardo Duque, Aline Fanju, Celso Taddei, Silvio Guindane, Simone Spoladore ; Direção: André Warwar, 2017, BRA;

18:30: Canal Curta (556): “O Milagre de Santa Luzia: Cultura Popular – Gilda Montans e Meire Genaro”, musical, (Num meio em que os homens são maioria absoluta, Gilda Montans e Meire Genaro buscaram espaço e se firmaram como um importante duo de acordeonistas. Naturais da região de Ribeirão Preto, estão juntas há mais de 25 anos, sempre transitando entre a música erudita e a popular. Além de excelentes instrumentistas, Gilda e Meire também são grandes divulgadoras da sanfona e da genuína música regional. Realizam, de tempos em tempos, memoráveis encontros de sanfoneiros na fazenda de Gilda, em que se apresentam músicos renomados e anônimos, do interior de São Paulo e de outros estados. Até ilustres convidados estrangeiros já passaram por lá, como o mestre francês Richard Galliano. Foi num desses encontros, inclusive, que Dominguinhos, em momento de grande emoção, compôs uma belíssima música em homenagem às duas.); Direção: Sergio Roizenblit, 2009, BRA;

19:00: Canal Curta (556): “A História Oculta das Obras de Arte: Rembrandt”, documentário, (Os maiores especialistas da obra de Rembrandt se reúnem no Museu do Louvre para analisar, minuciosamente, a arte do pintor. Todos os quadros estão como quando foram pintados: sem molduras e expostos em cavaletes.); Elenco: ; Direção: Stan Neumann e Juliette Garcias, 2011, FRA;

19:55: Canal Telecine Cult (666): “Duas Vezes J. Fox: De Volta Para o Futuro”, aventura, (Marty McFly é um jovem que acidentalmente viaja em uma máquina do tempo construída pelo cientista Doc Brown. Agora, nos anos 1950, ele vê seus pais que ainda não se apaixonaram.); Elenco: Michael J. Fox, Christopher Lloyd, Lea Thompson; Direção: Robert Zemeckis, 1985, USA;

20:00: Canal Curta (556): “Palmares: Coração Brasileiro, Alma Africana: Guerra Do Açúcar”, documentário, (Sem escravos não existe açúcar. Essa máxima do século XVII ilustra a íntima conexão desses dois comércios. Pelo açúcar manchado com sangue escravo, Portugal e Holanda travaram uma guerra ao redor do mundo. Os holandeses ocupam o Nordeste brasileiro. Com a desestruturação da ordem existente, as fugas dos escravos se multiplicam. Começa o período glorioso de Palmares.); Direção: José Carlos Asbeg, Luiz Arnaldo Campos, Carlos Nobre, 2018, BRA;

21:00: Canal Curta (556): “Guerras do Brasil: A Guerra do Paraguai”, documentário, (Entenda o maior conflito armado da América do sul. Em 1864, o Paraguai quer ter uma saída para o mar. Suas tropas passam pela argentina, invadem o Brasil, sequestram o presidente da província de Mato Grosso e começam sua marcha para o Uruguai. Estava declarada a Guerra. No mais sangrento conflito do hemisfério sul nasce o acordo da tríplice coroa que unia Brasil, Argentina e Uruguai.); Direção: Luiz Bolognesi, 2018, BRA;

21:30: Canal Curta (553): “Arte 1 Apresenta: Sara Vaughan no Festival Newport Jazz”, musical, (A cantora de jazz norte-americana Sarah Vaughan se apresenta no Festival Newport Jazz, em 1974. No repertório, a jazzista canta os sucessos “Over the Rainbow” e “I Cried for You” ao lado de grandes nomes.); Direção: Jacques Bourton, 1974;

22:00: Canal Telecine Cult (666): “Duas Vezes: Michael J. Fox: O Segredo do Meu Sucesso”, comédia, (Brantley Foster sai do Kansas para tentar a vida em Nova York. Sem emprego, acaba pedindo ajuda a seu tio milionário, que o contrata como carteiro de sua gigante empresa.); Elenco: Michael J. Fox, Helen Slater, Richard Jordan; Direção: Herbert Ross, 1987, USA;
22:00: Canal Telecine Touth (663): “Um Dia de Chuva em Nova York”, comédia, (Os jovens Ashleigh (Elle Fanning) e Gatsby (Timothée Chalamet) formam um casal que planeja uma viagem romântica a Nova York.); Elenco: Timothée Chalamet, Annaleigh Ashford, Ben Warheit, Diego Luna, Elle Fanning, Jude Law, Liev Schreiber, Rebecca Hall, Selena Gomez; Direção: Woody Allen, 2019, USA;

23:00: Canal Curta (556): “Martin Luther King: Um Homem Marcado”, diversos, (Martin Luther King Jr impulsionou mudanças nos Estados Unidos em face a uma amarga oposição. Foi um dos mais importantes líderes do movimento dos direitos civis dos negros no mundo, com um discurso de não violência e de amor ao próximo. King foi submetido a uma feroz campanha de intimidação pelo FBI de J. Edgar Hoover, tão extremo que até há suspeita de algum envolvimento do governo no assassinato do líder.); Direção: Edward Cotterill, 2018, GBR;

23:01: Canal BIS HD (620): “Hip Hop Machine”, musical, (O Hip Hop Machine junta dois gêneros com bastantes similaridades artísticas: o Jazz e o Rap. Cantando com os maiores nomes em ascensão no Rap nacional, ao lado de Leo Gandelman.); Direção: Bruno Costa e Leo Gandelman, 2018, BRA; Direção: Bruno Costa e Leo Gandelman, 2018, BRA;

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012