12 de agosto de 2022


A Cultura está sem luz 
por falta de pagamento 


17/09/2020


Teatro Carlos Gomes (Imagem: Reprodução)

 

A Cultura está sem luz por falta de pagamento 

Vinte espaços culturais municipais do Rio estão sem condições de retomar suas atividades, embora a Prefeitura tenha autorizado a reabertura de teatros e anfiteatros desde a última segunda-feira, diz a matéria da primeira página do Segundo Caderno de O Globo desta quinta-feira, 17.

Os repórteres David Barbosa e Jan Niklas revelam que “essas casas estão sem luz, após o corte de energia feito pela Light por falta de pagamento”. Mas não falta verba para funcionários da prefeitura Crivella que ficam à porta de hospitais, impedindo os repórteres de entrevistar a população mal atendida nesses locais, principalmente os contagiados por Covid.

A situação piora em relação às lonas e arenas culturais nas regiões Norte e Oeste, já excluídos das políticas de fomento, também sem luz e com orçamentos enxugados. E dois dos espaços mais conhecidos e frequentados da cidade seguem às escuras: o Teatro Carlos Gomes, na Praça Tiradentes, e o Espaço Sergio Porto, em Botafogo.

De acordo com O Globo, segue fechada a arena Fernando Torres, de Madureira (de 2012), inaugurada por Fernanda Montenegro, viúva do ator. E das nove lonas culturais, estão sem funcionar a Jacob de Bandolim (os equipamentos foram roubados), em Jacarepaguá; Carlos Zéfiro, em Anchieta; Sandra de Sá, em Santa Cruz (um amontoado de escombros e lixo). Até quando, prefeito, a Cultura do Rio bem como a de todo o país será tratada como lixo?

 

Diretoria de Cultura e Lazer da ABI

 

Crédito da imagem: O Observador

 

Siga a abi

© 2013 ABI - Associação Brasileira de Imprensa – todos os direitos reservados -Rua Araújo Porto Alegre, 71 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, Cep: 20030-012